Tamanho do texto

Apesar do risco alto de cair novamente para a Série B, treinador vascaíno mostra confiança em escapar da degola

Adilson Batista elogiou a frieza de Bernard na hora de marcar o segundo gol do Vasco
Flickr/Vasco da Gama
Adilson Batista elogiou a frieza de Bernard na hora de marcar o segundo gol do Vasco

Mesmo com 83% de risco de rebaixamento no Campeonato Brasileiro , como calcula o site Infobola , o Vasco está mais animado na luta contra a degola, principalmente após a vitória de 2 a 0 sobre o Náutico . O técnico Adilson Batista afirmou que o time carioca está cada vez mais vivo na briga.

Deixe seu recado e comente a notícia com outros torcedores

"Ainda estamos vivos, precisamos acreditar. Vamos trabalhar para fazer um grande jogo contra o Atlético-PR; Muita coisa pode acontecer. A expectativa e a intenção são de vencer o jogo. É o que nos resta. Estamos dependendo de nós e de dois jogos", disse o treinador.

Depois do triunfo sobre os pernambucanos, no Maracanã, o comandante também fez questão de elogiar o meia Bernardo, que, recuperado de grave lesão, fez o segundo gol da equipe. De acordo com ele, o jogador merece todo o carinho que recebe dos torcedores cruzmaltinos.

Veja ainda: Fluminense e Vasco lutam para não cair e só um deles poderá se salvar

"Ele é talentoso, tem potencial enorme, faz por merecer esse carinho. Ele tem frieza para decidir. Estava voltando de lesão, no processo de transição, recebeu alguns cuidados e está tentando melhorar o físico, porque a técnica a gente já conhece", analisou Adilson Batista.

Confira a classificação atualizada, artilharia e notícias do Brasileirão

No domingo, o Vasco visita o Atlético-PR, na Arena Joinville, pela 38ª e última rodada da Série A. A partida está marcada para as 17 horas (de Brasília), sendo que os cariocas precisam de uma vitória e pelo menos uma derrota de um dos seus dois concorrentes mais diretos, Criciúma e Coritiba.