Tamanho do texto

Jogador do Cruzeiro negou que tenha sentido prazer em vencer o Vitória, rival do seu time de coração

Borges sai para comemorar após marcar gol do Cruzeiro
João Godinho/O Tempo/ Futura Press
Borges sai para comemorar após marcar gol do Cruzeiro

O atacante Borges ajudou o campeão brasileiro Cruzeiro a vencer o Vitória por 3 a 1 na noite desta quarta-feira, no Barradão, e consequentemente a distanciar o adversário de uma vaga na Copa Libertadores da América. Torcedor declarado do Bahia, ele negou que tenha sentido prazer em atrapalhar o rival.

Deixe o seu recado e comente esta notícia com outros torcedores

"Sou natural de Salvador e já falei que torcia pelo Bahia, mas não desrespeitei o Vitória. De maneira nenhuma. Sou homem, pai de família e profissional. Fico na torcida para o Vitória ir à Libertadores e para o Bahia sair da situação ruim. O futebol do Estado merece", discursou Borges, enquanto comemorava o título do Cruzeiro no gramado do Barradão.

Confira classificação, notícias, tabela de jogos e artilharia do Brasileirão

O Vitória ocupa a sexta colocação do Brasileiro, com 51 pontos, cinco de desvantagem para o quarto colocado Goiás. Já o Bahia está à beira da zona de rebaixamento, com 39, enquanto o concorrente Vasco totaliza 37.

Apesar de ter lembrado as suas raízes e demonstrado preocupação com as situações de Vitória e Bahia, Borges estava mais interessado em vibrar com o Cruzeiro em Salvador. "É uma alegria imensa. Estou feliz neste clube e quero continuar", sorriu o torcedor do futebol baiano.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.