Tamanho do texto

Goleiro lamenta falta de consistência e segundo revés consecutivo no Brasileirão, que deixa equipe mais distante da briga pela Libertadores

Aranha, goleiro do Santos, vê tentativa de bicicleta de Alex em ataque do Coritiba
Heuler Andrey/ Agif/Gazeta Press
Aranha, goleiro do Santos, vê tentativa de bicicleta de Alex em ataque do Coritiba

Após sofrer uma derrota para a Portuguesa, no último domingo, no Canindé, o Santos não conseguiu reagir no Campeonato Brasileiro . Nesta quarta, foi batido pelo Coritiba por 1 a 0 no Couto Pereira. O goleiro Aranha lamentou o revés fora de casa, que afastou ainda mais a equipe da briga por vaga na Libertadores

Deixe seu recado e comente a notícia com outros torcedores

"Não tivemos a mesma consistência que apresentamos contra o São Paulo (vitória da última quarta) e em outros jogos, como visitantes. Não acho que sofremos tanto na parte defensiva mas, também, não soubemos fazer o placar", disse o camisa 1.

Confira classificação, tabela de jogos, artilharia e notícias do Campeonato Brasileiro

Aranha acredita que a falta de uma maior presença ofensiva foi determinante para a derrota alvinegra, diante do Coxa. "Jogamos bem, só que não fizemos o gol. Quando levamos (o tento do atacante Júlio César), infelizmente, não tivemos condições de reagir", completou o arqueiro.

O Santos estacionou nos 36 pontos ganhos e volta a jogar contra a Ponte Preta, no próximo sábado, a partir das 21 horas (de Brasília), no Pacaembu.

*com Gazeta

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.