Tamanho do texto

Jogadores discutiram após um reclamar que o outro não passou a bola. Os dois já tinham trocado palavrões durante o 0 a 0 diante da Chapecoense

Em meio à tranquilidade de um time cada vez mais próximo de confirmar o acesso na Série B do Brasileiro, Wesley e Felipe Menezes conseguiram criar um pequeno problema nesta quinta-feira no Palmeiras . Ambos discutiram asperamente durante o último treino antes da viagem para Natal (RN) e tiveram que ser afastados da atividade.

Deixe o seu recado e comente esta notícia com outros torcedores

Wesley teve atrito com Felipe Menezes no treino do Palmeiras desta quinta
Gazeta Press
Wesley teve atrito com Felipe Menezes no treino do Palmeiras desta quinta

O motivo do entrevero foi uma bola que um achou que deveria ter tocado para o outro, e os dois já tinham batido boca com palavrões durante o 0 a 0 com a Chapecoense, no Pacaembu, há exatamente um mês. Nesta quinta-feira, o que surpreendeu Gilson Kleina foi a duração da discussão, "que não parava".

Confira classificação, notícias, artilharia e tabela de jogos da Série B

"Tirei para que pudessem esfriar a cabeça. Precisam entender que não estão no meio do mato. É só tirar que a discussão para", disse o técnico, justificando a presença de Wesley fora do treino em campo reduzido, realizando abdominais e atividades físicas na lateral do gramado enquanto os colegas continuavam executando o trabalho técnico. Mais tarde, o titular voltou ao treino.

"Foi uma discussão de treino porque todos querem ganhar, é do perfil do jogador. Existem normalmente momentos de discussão. Mas tem que parar por ali, desenvolver mais não leva a nada. Não queremos que passe disso", continuou Kleina. "São dois jogadores do bem, que alegram o grupo", prosseguiu.

Veja fotos da campanha do Palmeiras na Série B:


Não foi a primeira discussão áspera entre Wesley e Felipe Menezes nem o primeiro entrevero do volante em um treinamento neste ano. Em 18 de julho, o camisa 11 deu um carrinho por trás em Ronny e ambos tiveram que ser apartados por Juninho para que não chegassem a trocar agressões.

Apesar dos problemas, tanto Wesley quanto Felipe Menezes viajam com a delegação para o Rio Grande do Norte, onde o líder da Série B do Brasileiro enfrenta o ABC às 16h20 (de Brasília) de sábado. Nesta sexta-feira, os dois treinarão com o grupo no CT do América-RN, na expectativa de que não se desentendam de novo.

Vinicius segue com lesão no tornozelo e não viaja
O Palmeiras embarca nesta quinta-feira para Natal (RN) com a confirmação de que não terá, ao menos, sete jogadores à disposição. O último dele é Vinicius. O atacante tem apresentado um problema crônico no tornozelo direito e, por reclamar mais uma vez de dores no local, nem treinou, sendo vetado da viagem e da partida de sábado contra o ABC.

O jogador sofre com problemas na região há dois meses. O camisa 19 chegou a entrar no segundo tempo da vitória sobre o Oeste, nessa terça-feira, e treinou no dia seguinte, mas sempre apontado dores no tornozelo direito, chegando a receber massagens. O incômodo, agora, se tornou insuportável.

Além de Vinicius, outro jogador que poderia ser titular nem treinou no campo nesta semana. Sofrendo com inflamação nas duas canelas desde o jogo do último sábado, contra o América-RN, Luis Felipe continua sem condições de atuar e será mais uma vez substituído pelo volante Wendel, já habituado a jogar na lateral direita.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.