Tamanho do texto

"O que falei para o doutor Francisco Cembranelli não foi irônico. Eu o vejo como um grande profissional, um promotor sério", disse o treinador

Criticado pelo promotor de justiça Francisco Cembranelli, membro do Comitê de Gestão do Santos, após a derrota para o Atlético-MG, o técnico Claudinei Oliveira optou por não alimentar a polêmica com o dirigente, depois da vitória da equipe praiana sobre o São Paulo , na noite desta quarta-feira, na Vila Belmiro.

Edu Dracena enfatiza "resposta" após tropeços, e Thiago Ribeiro sonha com G4

Cembranelli chegou a declarar, em uma rede social, que o Peixe necessitava de um técnico com "t" maiúsculo. Claudinei, que já havia classificado o membro do Comitê Gestor como um promotor com "p" maiúsculo, um dia antes, minimizou o episódio e negou ter sido irônico em sua resposta.

Thiago Ribeiro é cumprimentado pelo técnico Claudinei Oliveira após marcar gol do Santos
Lucas Baptista/Futura Press
Thiago Ribeiro é cumprimentado pelo técnico Claudinei Oliveira após marcar gol do Santos

"Não tenho nada para responder mais. O que falei para o doutor Francisco Cembranelli não foi irônico. Eu o vejo como um grande profissional, um promotor sério. Estou falando de coração, não tenho nada pessoal contra ele. Respeito a sua opinião. Eu, também, por vezes penso muitas coisas que não posso falar. Na minha função, eu tenho que ter discernimento, saber o que eu posso ou não dizer. Continuo sendo o mesmo cara, na derrota ou na vitória. A minha conduta não muda", afirmou o treinador.

Confira classificação, tabela de jogos, artilharia e notícias do Campeonato Brasileiro

O comandante alvinegro ainda agradeceu ao empenho dos jogadores na vitória sobre o rival paulista e enalteceu o futebol apresentado, mesmo com o time atuando durante o fim do primeiro tempo e toda a segunda etapa com um atleta a menos - o volante Alison foi expulso, por falta dura no lateral-direito Douglas.

"A participação maior foi deles. Eles se doaram ao máximo, inclusive se dedicaram a mais pelo Alison, que sempre se dedicou bastante pela equipe e hoje (quarta) foi expulso. Foi uma partida digna de todos os elogios", ponderou Claudinei, satisfeito com o resultado: "Foi uma vitória maiúscula", completou.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.