Tamanho do texto

Meia diz que não quer ser poupado para a partida deste sábado, contra o América-MG

Wesley no treino do Palmeiras
Marcello Zambrana/Inovafoto/Gazeta Press
Wesley no treino do Palmeiras

O técnico Gilson Kleina analisa junto com os fisioterapeutas e médicos do Palmeiras quais jogadores terão condições de participar da próxima rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. Apesar da possibilidade de o treinador poupar alguns titulares, o volante Wesley já adianta ao treinador que não quer descanso e prefere jogar contra o América-MG, no sábado, em Belo Horizonte.

Deixe o seu recado e comente com os outros internautas

"Se o professor optar por me poupar, vou até brigar com ele, claro que no bom sentido. Tive um ano de 2012 complicado e não quero ficar fora em nenhum momento. O clube tem ótimos profissionais na preparação física, mas quero sempre jogar", afirmou.

Contratado no ano passado, depois de uma longa negociação com o Werder Bremen, Wesley rompeu os ligamentos do joelho direito depois de apenas quatro jogos pelo clube. Por isso, o jogador passou um longo tempo parado em 2012.

Agora, o meia espera atingir a melhor série possível com a equipe, ainda mais sendo escalado como segundo volante, que é sua posição preferida. "É ali onde gosto de jogar. Se professor optar por mim, vou correr e dar meu melhor, mas o importante é que todos estejam focados", completou.

Para a partida deste sábado, Kleina ainda não anunciou quais atletas serão poupados. Com a liderança isolada da Série B, tendo cinco pontos de vantagem sobre a vice-líder Chapecoense, o treinador pode escolher tranquilo quem colocará em campo.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.