Tamanho do texto

Equipe de Paulo Autuori está na zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro com 18 pontos, enquanto os paranaenses estão com 28

Alex comemora seu primeiro gol para o Coritiba sobre o São Paulo na 19ª rodada do Brasileirão
Gazeta Press
Alex comemora seu primeiro gol para o Coritiba sobre o São Paulo na 19ª rodada do Brasileirão

A situação do São Paulo fica mais complicada a cada rodada. Com uma atuação apática, o Tricolor sofreu dois gols do meia Alex e perdeu por 2 a 0 para o Coritiba neste domingo, no estádio Couto Pereira. A equipe de Paulo Autuori, que está na zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro, ainda ouviu a torcida paranaense gritar "olé" nas arquibancadas.

Confira classificação, tabela de jogos e artilharia do Campeonato Brasileiro

O placar foi definido no primeiro tempo. Alex abriu o placar aos 32 minutos, aproveitando rebote de boa defesa de Rogério Ceni. Já nos acréscimos da etapa, o meia bateu falta com perfeição para definir o jogo. O Tricolor, que nem sequer deu um chute ao gol nos 45 minutos iniciais, melhorou no segundo tempo, mas perdeu Osvaldo, expulso.

Deixe seu recado e comente esta notícia com outros leitores

Com o resultado negativo, o São Paulo aparece em 18º lugar, com apenas 18 pontos. Já o Coritiba chegou aos 28 e se reaproximou da parte de cima da tabela. Agora, o Tricolor se prepara para voltar a campo na quinta-feira, quando receberá a Ponte Preta, no Morumbi. Já o time paranaense duelará no mesmo dia com o Atlético-MG, no Independência.

O jogo

O Coritiba começou melhor a partida e, logo aos seis minutos, teve sua primeira chance na frente. Vitor Júnior puxou um contragolpe e tocou para Alex, que devolveu na frente para o atacante. Em vez de chutar, o jogador preferiu devolver para o meia arrematar, exigindo defesa de Rogério Ceni. Mesmo mais presente na frente e com liberdade no meio-campo, o Coxa demorou a criar novas chances de perigo.

Aos 22, Vinícius foi travado na hora do chute, na entrada da área, mas o rebote ficou para Vitor Júnior, que mandou para fora. Pouco depois, Vitor Júnior tentou chutar da esquerda, mandando na rede de cima do gol. Sem ser incomodado pelo apático São Paulo, o Coritiba seguiu ditando o ritmo da partida.

Assim, o time paranaense abriu o placar com seu principal jogador. Aos 32, Keirrison recebeu no meio da área e aproveitou falha da defesa para deixar a bola para Vitor Júnior, que bateu rasteiro. Ceni salvou o Tricolor com a defesa, mas o rebote sobrou para Alex, diante do gol aberto. O camisa 10 não teve trabalho para chutar para as redes.

O São Paulo estava nervoso em campo, a ponto de o zagueiro Rafael Toloi receber cartão no banco de reservas. Antes do fim do primeiro tempo, o São Paulo foi castigado de novo. Aos 47, Alex teve chance em falta da meia-direita e bateu com perfeição, sem dar chance de defesa a Rogério Ceni. Assim que o Coxa fez o segundo, o árbitro encerrou o primeiro tempo, sem que o São Paulo tivesse dado qualquer chute a gol.

No intervalo, Paulo Autuori fez duas alterações. Maicon e Osvaldo entraram nas vagas de Paulo Miranda e Fabrício, respectivamente. As mudanças deixaram o Tricolor mais ofensivo e, assim, Maicon acertou o travessão em um chute forte, da entrada da área, logo aos três minutos. Pouco depois, Ganso fez bom passe para Osvaldo, que desperdiçou a batida.

Com um comportamento bem diferente, o São Paulo chegou perto de novo em seguida. Aloísio girou na frente do marcador, pela esquerda da área, e arrematou cruzado. Vanderlei espalmou e viu a bola passar raspando a trave. Em seguida, o técnico Marquinhos Santos teve de mudar. Geraldo, que havia acabado de entrar no lugar de Keirrison, reclamou de dores e saiu para a entrada de Vitor Júnior.

Autuori queimou logo depois sua última alteração, com Negueba na vaga de Luis Fabiano. De forma inesperada, o treinador do Coxa teve de fazer mais uma mudança no ataque. Anderson Aquino também sentiu lesão e foi trocado por Lincoln. O Tricolor continuou melhor, e Aloísio levou perigo em chute da entrada da área. Justamente no momento em que estava melhor, o time visitante ficou com um a menos, pois Osvaldo foi expulso por falta dura.

Mesmo assim, o São Paulo ainda ameaçou mais duas vezes, em cobrança de falta de Rogério Ceni, que foi para a fora, e em chute de Negueba, defendido por Vanderlei. O Coxa se segurou atrás e conquistou uma importante vitória para se reaproximar do pelotão de frente.

FICHA TÉCNICA - CORITIBA 2 X 0 SÃO PAULO
Local:
Estádio Major Antônio Couto Pereira, em Curitiba (PR)
Data: 8 de setembro de 2013, domingo
Horário: 16 horas (de Brasília)
Árbitro: Alicio Pena Junior (MG)
Assistentes: Rodrigo Henrique Correa (RJ) e Dibert Pedrosa Moises (RJ)
Cartões amarelos: Escudero, Vitor Júnior, Vanderlei, Vinícius (Coritiba). Rafael Toloi (no banco), Lucas Evangelista (São Paulo)
Cartão vermelho: Osvaldo (São Paulo)

GOLS
CORITIBA:
Alex, aos 32 e 47 minutos do primeiro tempo

CORITIBA: Vanderlei; Vinícius, Luccas Claro, Chico e Escudero; Willian, Uelliton, Robinho e Alex; Vitor Júnior e Keirrison (Geraldo) (Anderson Aquino) (Lincoln)
Técnico: Marquinhos Santos

SÃO PAULO: Rogério Ceni; Paulo Miranda (Maicon), Rodrigo Caio, Antônio Carlos e Reinaldo; Wellington, Fabrício (Osvaldo) e Ganso; Lucas Evangelista, Aloísio e Luis Fabiano (Negueba)
Técnico: Paulo Autuori

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.