Tamanho do texto

Cariocas eliminaram os mineiros da Copa do Brasil e querem repetir desempenho para impedir a pressão cruzeirense no Mineirão

O Flamengo segue se preparando para a partida deste domingo contra o líder Cruzeiro, a partir das 16 horas (de Brasília), no Mineirão, pela 19ª rodada do Campeonato Brasileiro. Cientes de que vão enfrentar o melhor ataque da competição, com 41 pontos conquistados, os flamenguistas acreditam que o adversário vai procurar impor uma forte pressão desde os primeiros minutos na luta para conseguir abrir o marcador.

Deixe o seu recado e comente esta notícia com outros torcedores

Elias, volante do Flamengo
Washington Alves/VIPCOMM
Elias, volante do Flamengo

Diante de um cenário que se desenha muito complicado, os flamenguistas, que ainda terão que suportar os gritos de cerca de 40 mil cruzeirenses na arquibancada, entendem que vai ser preciso saber lidar com essa pressão inicial da Raposa. Na visão deles, o importante é não se sentir acuado.

Confira a classificação e a tabela de jogos do Brasileiro

"O Cruzeiro vai tomar a iniciativa do confronto, pois tem o cenário favorável, já que joga em casa, está em um grande momento e a torcida vai comparecer. Eles vão pressionar desde cedo e o Flamengo vai precisar saber lidar com essa situação, sem ficar acuado e escolhendo o momento certo para sair", disse o lateral-direito Leonardo Moura.O zagueiro Wallace vê o time carioca preparado para esse desafio. "O Flamengo já enfrentou o Cruzeiro duas vezes esse ano e mostrou que pode jogar de igual para igual contra esse adversário, que é muito forte tecnicamente e merece o nosso respeito. Sabemos que o time deles vai pressionar porque joga em casa e se encontra na liderança. Mas podemos fazer um grande jogo e vencer", disse Wallace.

O volante Elias é mais um a pregar a inteligência como arma. "O Cruzeiro precisa da vitória para seguir ainda mais firme na liderança e a torcida vai apoiar e empurrar o time para frente. É normal que a gente venha a ser pressionado, mas precisamos entender o jogo, fazer a leitura correta e buscar os três pontos. Vamos ser inteligentes e encontrar o melhor momento para ganhar", alertou Elias.

Em termos de escalação, o técnico Mano Menezes não quis antecipar o time. Certo é que o atacante Marcelo Moreno, servindo à seleção boliviana nas Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2014, permanece de fora. Assim, Hernane, autor dos gols contra o Vitória, segue entre os titulares. Neste sábado os jogadores participam de um recreativo pela manhã, no Ninho do Urubu, e depois começam o período de concentração.

Fora de campo houve um constrangimento com o ex-atacante Nunes sendo barrado no Ninho do Urubu. Ele pretendia acompanhar o treino da equipe, mas foi impedido de entrar por ordem do vice de futebol, Wallim Vasconellos, que não permite convidados em dia de treinamentos para não atrapalhar os atletas. O ex-jogador, magoado, deixou o local prometendo não voltar mais.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.