Tamanho do texto

Lopes, arqueiro do último colocado da Série B, deixou a bola passar por entre as pernas no primeiro gol dos catarinenses

Cleber Santana fez os dois gols do Avaí contra o ABC
Petra Mafalda/Mafalda Press/Gazeta Press
Cleber Santana fez os dois gols do Avaí contra o ABC

Com a chance de se aproximar do G4, a diretoria do Avaí fez promoção e convocou a torcida para o duelo desta sexta-feira e teve um bom retorno. Dentro de campo, o time catarinense também não desapontou. Diante de um reformulado ABC, sofreu, mas contou com a ajuda do goleiro Lopes para vencer por 2 a 0 e somar mais uma vitória na Série B do Campeonato Brasileiro.

Comente esta notícia com outros torcedores

O primeiro gol da partida saiu ainda na etapa inicial, aos 39 minutos. Cléber Santana recebeu na área, pegou mal na bola, mas o arqueiro do ABC foi mal, permitindo a passagem da bola por baixo das pernas quando se abaixava para fazer a defesa. Já no fim, o meia catarinense mostrou categoria ao cobrar um pênalti e deu números finais ao jogo.

O triunfo na Ressacada deixa o Avaí com 29 pontos, apenas a um do grupo de acesso à elite do futebol brasileiro. Em fase oposta, o ABC precisa reagir imediatamente na Série B para não amargar o rebaixamento. O time potiguar permanece na última colocação, com onze pontos somados.

Veja como está a classificação da Série B do Campeonato Brasileiro

Na próxima rodada, o Avaí viaja a Varginha, onde enfrenta o Boa Esporte, na terça-feira, às 19h30 (de Brasília), no Melão. Mais tarde, no mesmo dia, às 21h50, o ABC tenta sua terceira vitória diante do América-MG, com o apoio da torcida no Estádio Frasqueirão.

FICHA TÉCNICA
AVAÍ 2 X 0 ABC

Local: Estádio da Ressacada, em Florianópolis (SC)
Data: 30 de agosto de 2013, sexta-feira
Horário: 21 horas (de Brasília)
Árbitro: Diego Almeida Real (RS)
Assistentes: Carlos Henrique Selbach e Lucio Beiersdorf Flor (ambos do RS)
Cartões Amarelos: Edson, Thiaguinho, Bileu e Flávio Boaventura (ABC)
Gol: AVAÍ: Cléber Santana, aos 39 minutos do primeiro tempo e aos 44 minutos do segundo tempo

AVAÍ: Diego; Ricardinho, Alex Lima, Bruno Maia e Heracles; Eduardo Costa, Rodrigo Thiesen, Diego Jardel (Luciano), Cléber Santana e Marquinhos (Anderson); Beto (Márcio Diogo)
Técnico: Hemerson Maria

ABC: Lopes, Thiaguinho (Alvinho), Rogério, Flávio Boaventura (Pingo); Bileu, Edson, Daniel Paulista e Erick Flores; Wanderley (Gilmar) e Rodrigo Silva
Técnico: Roberto Fernandes


* Com Gazeta

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.