Tamanho do texto

Equipe desembolsou 20 milhões de euros para ter Geoffrey Kondogbia, volante de 20 anos

Geoffrey Kondogbia, da seleção francesa, é o novo reforço do Monaco
Getty Images
Geoffrey Kondogbia, da seleção francesa, é o novo reforço do Monaco

Cotado para reforçar diversas equipes durante a janela de transferências europeia, o francês Geoffrey Kondogbia definiu seu destino: o Monaco. Um dos principais nomes do Sevilla, da primeira divisão espanhola, o volante, de apenas 20 anos, teve sua cláusula de rescisão unilateral no valor de 20 milhões de euros paga e deve ser apresentado nos próximos dias.

Titular da França campeã do Mundial sub 20 em junho, o jovem volante estreou há duas semanas pela seleção principal do país, e vinha sendo sondado por diversos clubes da elite europeia, entre eles Real Madrid, Arsenal, Chelsea, Manchester United e Juventus.

Dono de 50% dos direitos do jogador, o Sevilla terá direito a apenas 8,5 dos 20 milhões, já que 10 milhões ficam com o grupo de empresários Doyen, dono da outra metade do passe do jogador, e 1,5 milhões irão para o Lens, da França, ainda como parte do pagamento pela transferência do volante para a Espanha, um ano atrás.

José Maria Del Nido, presidente do Sevilla, lamentou a saída de Kondogbia, que segundo ele ocorre contra a vontade do clube, mas elogiou o profissionalismo do atleta, que fez questão de ir a campo pelo time no último domingo, contra o Valência, mesmo com sua negociação quase fechada.

Para o lugar de Kondogbia, o Sevilla anunciou a contratação de M’Bia. O volante camaronês de 27 anos já atuou por Olympique de Marselha e Rennes e chega ao clube por empréstimo, após ser rebaixado na última temporada da Premier League inglesa com o Queens Park Rangers.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.