Tamanho do texto

Jogador foi sorteado para exame, mas antes da coleta passou pelo vestiário. Atitude poderia ser considerada como sabotagem e pena poderia chegar a dois anos

Paulo Baier ficará fora da partida contra o Náutico
Giuliano Gomes/Gazeta Press
Paulo Baier ficará fora da partida contra o Náutico

Um erro antes da realização de um exame antidoping quase custou muito caro ao meia Paulo Baier, julgado na noite desta segunda-feira pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), no Rio de Janeiro. Entretanto, o Atlético Paranaense ficará sem seu maestro apenas na partida diante do Náutico, próximo desafio pelo Campeonato Brasileiro.

Deixe seu recado e comente com outros leitores

No dia 7 de agosto, na vitória do Furacão sobre o Bahia, na Vila Capanema, o meia atleticano foi sorteado para a realização do exame antidoping após a partida, mas, antes de se deslocar para o local da coleta, como determina a regra, passou pelo vestiário, contrariando a Comissão de Dopagem da CBF.

Veja a tabela e a classificação do Campeonato Brasileiro

Denunciado por tentativa de sabotagem, atitude antidesportiva e irregularidade no exame, Baier poderia pegar uma pena de dois anos, que possivelmente encerraria sua carreira mais cedo do que o previsto. Porém, por quatro votos a um, foi determinada a pena de uma partida de suspensão e multa de R$ 10 mil para o clube.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.