Tamanho do texto

Time de Tite finaliza pouco, tem poucos gols e desvaloriza da melhor defesa do Brasileirão

Romarinho tem apenas cinco gols no ano
Daniel Augusto Jr./Agência Corinthians
Romarinho tem apenas cinco gols no ano

Tite tem motivos para se orgulhar do que a defesa do Corinthians faz neste Brasileirão. Foram apenas sete gols sofridos em 16 jogos e o desempenho é parecido ao do São Paulo campeão de 2007. Naquele ano, o rival sofreu oito gols em 16 rodadas e encerrou o ano com 19 gols contra. O número poderia ser inspirador, mas o ataque corintiano desabona este recorde. 

Veja a tabela completa do Brasileirão

Com apenas 15 gols marcados nas 16 partidas disputadas até aqui, o Corinthians tem o segundo pior ataque do campeonato. Divide a posição com Bahia, Atlético-MG e São Paulo, mas os dois últimos fizeram um jogo a menos. Só o lanterna Náutico, com oito gols marcados, fez menos gols que time de Tite. Com um ataque inoperante, o Corinthians não consegue se estabilizar entre os primeiros do Brasileirão.

Leia também: Melhores zagas, Corinthians e Cruzeiro tentam repetir últimos campeões

O treinador reconhece que sua equipe precisa ser mais efetiva ofensivamente e por isso cobra melhores números de finalização. O Corinthians tem média de apenas quatro finalizações certas por jogo. São, em média, 10 por jogo. No treino de sexta-feira, o penúltimo antes da partida contra o Vasco, o treinador exigiu muito de Pato, Romarinho e Guerrero. No jogo, foram apenas sete. Guerrero marcou aos três minutos e depois disso o goleiro vascaíno fez apenas uma defesa no jogo, já nos acréscimos do segundo tempo.

E mais: Corinthians chega a oito empates em 16 jogos e não consegue se firmar no G-4

O Corinthians não sofreu gols em nove jogos do Brasileirão, marca que o deixa como o time que menos deixou o campo sendo vazado. O Cruzeiro, dono da segunda melhor defesa do Brasileirão com 14 gols sofridos, lidera o torneio porque equilibra a boa defesa com o melhor ataque da competição: já marcou 33 vezes. 

A defesa do Corinthians tem um ano muito bom e não sofre dois gols em um jogo desde 9 de março, quando venceu o Ituano por 3 a 2 no Pacaembu pelo Paulistão. Em contrapartida, o time não faz mais de dois gols em uma partida desde 28 de abril, quando venceu a Ponte Preta por 4 a 0 em Campinas pela semifinal do Paulistão. 


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.