Tamanho do texto

Gol da vitória fora de casa foi marcado pelo atacante francês Benzema no início do jogo

Benzema comemora com Arbeloa o gol da vitória sobre o Granada
Jon Nazca/Reuters
Benzema comemora com Arbeloa o gol da vitória sobre o Granada

Um dos principais candidatos ao título espanhol, o Real Madrid novamente não encontrou facilidades para vencer na competição nacional. Após sofrer no triunfo por 2 a 1 diante do Betis dentro de casa, a equipe merengue não jogou bem e superou o modesto Granada por 1 a 0 nesta segunda-feira, no estádio Nuevo Los Cármenes, pela segunda rodada.

Comente esta notícia com outros torcedores

O único gol da partida foi marcado pelo francês Karim Benzema, ainda aos 10 minutos do primeiro tempo. Os momentos inicias da equipe de Carlo Ancelotti, aliás, foram de pleno domínio sobre o Granada, que parecia estar prestes a ser goleado dentro de casa. No entanto, o ritmo merengue caiu, e o treinador italiano foi obrigado a colocar Casemiro no segundo tempo da partida (no lugar de Ozil, que saiu contrariado), para recuperar a força no meio de campo.

No fim, o Real não correu tantos riscos, mas também não encantou em mais uma econômica vitória no Campeonato Espanhol. O outro destaque da partida foi a presença do goleiro Iker Casillas no banco de reservas. Assim como na 1ª rodada, o espanhol Diego López foi o titular, deixando o grande ídolo blanco entre os suplentes.

Com o resultado, o Real Madrid mantém os 100% de aproveitamento neste início de Campeonato Espanhol e ocupa, agora, o quinto posto, com a mesma pontuação do líder Barcelona. O Granada, por sua vez, estaciona na nona posição com três pontos. No próximo domingo, os merengues voltam a campo pela competição nacional diante do Athletic de Bilbao, às 7h45 (de Brasília), no estádio Santiago Bernabéu, em Madri. Um dia antes, o Granada visita o ainda invicto Celta de Vigo, às 14 horas (de Brasília), no Balaídos.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.