Tamanho do texto

Jogadores reconhecem que o adversário tem mudado pouco nos últimos anos e afirmam que precisam se superar para sair de Brasília com o resultado positivo

Rafael Vaz  diz time precisará de superação
Miguel Schincariol/Gazeta Press
Rafael Vaz diz time precisará de superação

O Vasco tem um importante e complicado compromisso neste domingo, às 16h (de Brasília), no Estádio Mané Garrincha, em Brasília (DF), pela 16ª rodada do Campeonato Brasileiro. Trata-se do Corinthians, que apesar de ter perdido para o Luverdense durante a semana na Copa do Brasil, é uma das equipes mais regulares deste Brasileirão. Por esse motivo, os vascaínos têm demonstrado preocupação com o entrosamento do rival e aposta na determinação de seus atletas para acreditar em um triunfo.

"O Corinthians tem um time que joga junto há muito tempo, os jogadores se conhecem e isso sempre é um complicador para quem tem que enfrentá-lo. Com o Vasco a situação não vai ser diferente e vamos precisar de muita superação e obediência tática para conseguirmos derrubar esses pontos fortes que eles têm a seu favor. Porém a nossa equipe vem conseguindo aos poucos evoluir na temporada e isso nos deixa confiantes de que é possível conquistarmos um resultado satisfatório em Brasília", disse o zagueiro Rafael Vaz.

Quem reforça o discurso do defensor é o volante Wendel.  "Basta olhar para as conquistas recentes do Corinthians e para o fato de o time dele ter mudado muito pouco nos últimos anos para percebermos as dificuldades que vamos encontrar nesta partida em Brasília. O time deles está pronto, enquanto que nós estamos em estágio de evolução no Campeonato Brasileiro. É natural que as dificuldades apareçam nesse cenário. Mas nós temos coisas a nosso favor que vamos usar para que a vitória venha e uma delas é a grande vontade de que temos que fazer o nosso melhor neste Brasileirão", afirmou.

"Nós vamos nos empenhar desde os primeiros minutos para que o Vasco possa conquistar uma vitória sobre o Corinthians. Apenas com muita garra e com muita determinação que os resultados aparecem em confrontos complicados e contra o time paulista será um desses jogos muito difíceis. Mas com determinação podemos enfrentar qualquer adversário de igual para igual", reforçou o goleiro Diogo Silva. 

O elenco vascaíno, que chegou a Brasília na noite de quarta-feira, treina nesta sexta no Centro de Treinamento do Brasiliense, onde o técnico Dorival Júnior definirá a formação que vai a campo diante do Corinthians. Poupados na vitória de 2 a 0 sobre o Nacional-AM, pela Copa do Brasil, Rafael Vaz, o meia Juninho Pernambucano e o atacante André devem voltar ao time. 

Em Brasília, o elenco enfrentou um pequeno protesto de torcedores em frente ao hotel. Eles reclamacam do valor elevado dos ingressos. O bilhete mais barato é comercializado no valor de 80.  O diretor de futebol Ricardo Gomes, conversou com o grupo e a manifestação seguiu sem tumultos. 

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.