Tamanho do texto

Treinadores ainda analisaram o gol feito pelos rubro-negros numa falha defensiva dos mineiros, que deixa a decisão da vaga em aberto

O técnico Marcelo Oliveira aprovou a exibição do Cruzeiro nesta quarta-feira, com a vitória por 2 a 1 em cima do Flamengo , pela Copa do Brasil, mas condenou o vacilo defensivo que permitiu aos cariocas diminuírem o placar no Mineirão. O treinador, porém, fez questão de frisar que a lamentação é pelo gol sofrido e não pelo resultado de vitória, que dá vantagem para os mineiros.

William marca Elias em ataque do Flamengo
Washington Alves/VIPCOMM
William marca Elias em ataque do Flamengo

"Não podemos lamentar de ter conseguido uma vitória na Copa do Brasil, contra um adversário rápido, muito bem armado, que se propôs a marcar bem e a sair no contra-ataque. Nós tivemos um erro que causou o gol do adversário, mas pressionamos durante todo o tempo e tivemos chances de fazer o terceiro e até o quarto gol. Eles estavam esperando um erro e aconteceu, não podemos lamentar", analisou.

Jogadores do Cruzeiro comemoram vitória e golaço, mas lamentam gol sofrido

Já o técnico Mano Menezes, do Flamengo, admitiu a superioridade do adversário no Mineirão. "Enfrentamos um Cruzeiro superior que foi mais organizado e conseguiu controlar o ritmo durante boa parte do jogo. Encontrou um pouco de facilidade no primeiro tempo, quando não estivemos bem posicionados. Não se pode ter indefinições diante de uma equipe confiante e que vem mostrando um grande futebol como o Cruzeiro", declarou o treinador.

Para Mano, o rubro-negro só evoluiu após o intervalo. "Até acertamos a trave no primeiro tempo, mas isso não representou o jogo. Voltamos mais ajustados do intervalo e melhoramos, tivemos mais volume, chegamos à frente. Sofremos o segundo jogo numa linda jogada onde cedemos o contra-ataque, mas não faltou disposição", afirmou.

Marcelo Oliveira teve a mesma opinião que o rival e admitiu que o Cruzeiro dominou o jogo durante a maior parte do tempo, dando poucas chances para o Flamengo e marcando bem o time visitante. Marcelo Oliveira, porém, admitiu que após os rubro-negros terem diminuído o placar, que a sua equipe acabou apresentado um pouco de cansaço, o que segundo ele, é natural.

"Nós jogamos bem a maioria do tempo. Tivemos oportunidades, marcamos muito, não demos chances para o adversário e poucas vezes o Flamengo chegou lá. Acho que depois do gol (gol do Flamengo) o time sentiu um pouquinho, já não conseguia chegar tanto, mas é normal", declarou.

E esse gol deu um ânimo a mais para Mano Menezes. "O gol marcado fora de casa leva o confronto para a próxima semana em uma condição aberta, mas não podemos esquecer que perdemos o jogo e temos que reverter essa condição lá", finalizou o flamenguista.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.