Tamanho do texto

Equipes se enfrentam em Manaus, onde cariocas contam com grande torcida

Vasco conta com grande torcida em Manaus
Marcelo Sadio/vasco.com.br
Vasco conta com grande torcida em Manaus

Após supostamente dar sorte no sorteio da Copa do Brasil, o Vasco tenta evitar uma zebra contra o Nacional-AM nesta terça-feira, às 21h50 (de Brasília), no Estádio Sesi Manaus pela rodada de ida das oitavas de final da competição e confirmar a vaga.

Comente esta notícia com outros torcedores

O Vasco, que no fim de semana foi derrotado por 3 a 2 pelo Grêmio no Campeonato Brasileiro, vê no torneio mata-mata uma excelente oportunidade de conquistar um título na temporada. Por isso, o técnico Dorival Júnior quer o máximo de seriedade diante do Nacional.

"A Copa do Brasil para nós é uma competição muito importante, uma prioridade. Logicamente que não vamos deixar o Campeonato Brasileiro de lado, mas queremos muito conquistar a Copa do Brasil, que nos daria ainda a vaga na Copa Libertadores. Portanto, essa partida contra o Nacional merece toda a nossa seriedade e estamos tratando ela como sendo decisiva", declarou o treinador.

O treinador entende que o Vasco terá problemas nesta terça-feira. O Nacional é uma das zebras da Copa do Brasil, tendo eliminado dois times que da Série A do Brasileiro: Coritiba e Ponte Preta. O time, que derrotou o Plácido de Castro por 2 a 1 no fim de semana e se manteve na zona de classificação para a segunda fase da Série D do Campeonato Brasileiro, merece atenção, de acordo com Dorival.

"Creio que as pessoas devam ter pensado que a Ponte Preta e o Coritiba também deram sorte ao enfrentar o Nacional, mas os dois acabaram eliminados. Portanto, não podemos esperar nenhum tipo de facilidade. O time deles já mostrou que tem um bom conjunto, seu desempenho vem sendo satisfatório e farão de tudo para surpreender o Vasco. Vamos trabalhar como se estivéssemos enfrentando um time de ponta do futebol brasileiro, pois não podemos cogitar a possibilidade de não passar de fase nesta Copa do Brasil", comentou o técnico.

O zagueiro Rafael Vaz e o atacante André desfalcam o Vasco por já terem defendido Ceará e Santos, respectivamente, na Copa do Brasil. Além deles, Juninho Pernambucano deve ser preservado. Cris deve formar a dupla de zaga com Jomar, enquanto Tenorio jogará no ataque. A vaga do Reizinho ficará com o colombiano Montoya.

Pelo lado do Nacional, o técnico Léo Goiano confia no equilíbrio de seu time para surpreender o Vasco. "Nosso time vem evoluindo muito nesta temporada e mostrando que pode enfrentar qualquer adversário de igual para igual. Respeitamos muito o Vasco, mas temos condições de fazer uma grande partida e ganhar", afirmou o treinador.

Para este jogo, o time de Manaus não poderá contar com o meia Bismarck, que não está inscrito na competição por já ter defendido o Campinense-PB. Danilo Rios será o substituo. O restante da equipe terá a base que vem jogando a Série D.

FICHA TÉCNICA
NACIONAL-AM X VASCO

Local: Estádio Sesi Manaus, em Manaus (AM)
Data: 20 de agosto de 2013, terça-feira
Horário: 21h50 (de Brasília)
Árbitro: Dewson Fernando Freitas da Silva (PA)
Assistentes: Marcia Bezerra Lopes Caetano (RO) e Valdebranio da Silva (RO)

NACIONAL-AM: Gilberto, Andrezinho, Emerson, Morisco e Wesley Bigú; Denis, Agenor, Evandro e Danilo Rios; Felipe e Leonardo
Técnico: Léo Goiano

VASCO: Diogo Silva, Fagner, Cris, Jomar e Henrique; Abuda, Wendel, Pedro Ken e Montoya; Eder Luis e Tenorio
Técnico: Dorival Júnior

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.