Tamanho do texto

Goleiro começou a temporada novamente na reserva de Diego Lopez e pretende mudar de ares para não perder espaço na seleção espanhola

Capitão e um dos maiores goleiros da história do Real Madrid, Iker Casillas pode deixar o clube da capital espanhola em dezembro deste ano. É isso o que informa o jornal Mundo Deportivo  em sua edição desta terça-feira. De acordo com a publicação, o arqueiro estaria insatisfeito com a reserva da equipe merengue e pensando em se transferir na próxima janela de transferências.

Ídolo do Real Madrid, Raúl diz que Bale é supervalorizado e critica negociação

Segundo o diário, Casillas está incomodado em ter iniciado a temporada na reserva de Diego López e preocupado com a possibilidade de perder uma vaga na Copa do Mundo de 2014, no Brasil. Assim, a solução seria se despedir da equipe pela qual foi revelado e na qual atua desde 1998, para ser titular e permanecer com ritmo de jogo em outro clube.

Casillas, goleiro do Real Madrid
Getty Images
Casillas, goleiro do Real Madrid

O ‘martírio’ de Casillas no Real Madrid se iniciou na última temporada. Ainda sob o comando de José Mourinho, treinador com o qual não mantinha um bom relacionamento, o espanhol foi sacado da equipe titular e deslocado para o banco de reservas pela primeira vez na carreira. O motivo dado pelo português:Má fase técnica. Assim, bancou o inconstante Adán entre os onze inicias.

Entre uma presença e outra no time, Casillas fraturou a mão esquerda e ficou cerca de três meses longe dos gramados. Para suprir a sua ausência, o também experiente Diego López foi contratado junto ao Sevilla. O reforço já chegou como titular, fez grandes partidas e se firmou como o principal goleiro da equipe.

Casillas permaneceu no banco de reservas e só voltou a entrar em campo em julho, defendendo a seleção espanhola na Copa das Confederações. Após o vice-campeonato no torneio da Fifa, voltou ao Real Madrid com a esperança de recuperar o seu posto, já que Mourinho deu lugar ao italiano Carlo Ancelotti. Entretanto, continuou na reserva e já tem demostrado descontentamento em público.

Na última segunda-feira, um dia após ver Diego López jogar os 90 minutos contra o Bétis, na estreia do Campeonato Espanhol, disse, ironicamente, que "pelo menos jogará o Troféu Bernabéu", torneio amistoso no qual os reservas geralmente são escalados. Assim, de acordo com o Mundo Deportivo , parece cada vez provável uma saída do histórico goleiro do Real Madrid.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.