Tamanho do texto

Com derrota para o Grêmio, time mineiro pode ser ultrapassado na tabela do Brasileirão pelo Botafogo, que pega o Inter nesta quinta

Com um pênalti desperdiçado e o volante Souza expulso ainda no primeiro tempo, o Cruzeiro acabou derrotado para o Grêmio, em Porto Alegre por 3 a 1, resultado que pode tirar a Raposa da liderança do Brasileiro no complemento da rodada. O lateral Ceará lamentou o revés, mas já pensa na recuperação, ante o Vitória, no próximo sábado.

Grêmio vence o líder Cruzeiro na Arena e entra no G4 do Brasileiro

"Infelizmente essa é a realidade, perdemos fora de casa. Tivemos oportunidade de sair com um resultado melhor, mas agora é levantar a cabeça porque temos um compromisso direto dentro de casa e vamos procurar recuperar frente a nossa torcida", disse o lateral cruzeirense, que atuou na vaga do poupado Mayke.

Confira classificação, tabela de jogos e artilharia do Campeonato Brasileiro

Além de perder Souza, advertido com cartão vermelho, o Cruzeiro também ficou sem o volante Nilton, que teve que ser substituído no fim do jogo acusando uma lesão. O jogador não escondeu a insatisfação com a derrota, que segundo ele, custou caro para o time celeste, que pode ficar sem a ponta do Brasileiro caso o Botafogo vença ou empate o duelo desta quinta-feira, contra o Internacional.

"Foi uma derrota que saiu um pouco caro para a nossa equipe. Infelizmente devemos sair da liderança, mas ainda tem muita coisa pela frente. Perdemos fora e temos que fazer nosso papel dentro de casa, porque é mais que obrigação. Com um jogador a menos é mais difícil, mas lutamos até o final", lamentou.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.