Tamanho do texto

Equipe carioca está empatada em pontos com o Cruzeiro, mas leva desvantagem no saldo de gols

Mané Garrincha, palco do jogo
Danilo Borges/Portal da Copa
Mané Garrincha, palco do jogo

Depois de perder a liderança do Brasileirão na última rodada, ao empatar com o Atlético-MG em 2 a 2, o Botafogo quer recuperar a ponta neste sábado, quando encara o Goiás no Estádio Nacional de Brasília, a partir das 18h30 (de Brasília).

Com 24 pontos, o Botafogo tem a mesma pontuação do Cruzeiro, mas está atrás no saldo de gols. Uma vitória combinada a um tropeço dos mineiros põe os cariocas na primeira colocação.

Já o Goiás venceu o Náutico por 2 a 1 na última rodada. Em décimo lugar, tem 16 pontos, três a menos que o Vitória, quarto colocado.

O treinador do Botafogo, Oswaldo de Oliveira, se esforçou durante a semana para evitar qualquer abatimento do grupo com o empate sofrido nos últimos minutos do duelo com o Atlético-MG.

Carrasco de rivais, Rafael Marques exalta boa fase e esnoba vaias: 'Meia dúzia'

"Nós acabamos levando um gol no fim em uma situação em que os próprios jogadores se alertam. Portanto, o momento agora é de pensar na conquista de uma grande vitória diante do Goiás. Não será um jogo tranquilo, mas temos plenas condições de conquistarmos o triunfo e somarmos mais três pontos. Para isso é fundamental deixar de lado o que aconteceu e focar apenas no que está por vir neste Campeonato Brasileiro", declarou.

Oswaldo terá alguns problemas para escalar a equipe. O zagueiro Bolívar e o volante Gabriel estão suspensos. Assim, André Bahia entra na defesa e Renato ganha a vaga.

Lodeiro, convocado para a seleção uruguaia, também desfalca o time e Rafael Marques deve atuar mais recuado. Elias entra no ataque. Por outro lado, o treinador contará com o retorno do meia holandês Seedorf, poupado contra os atleticanos.

Conselho a jovens e foco são antídotos contra atraso de salários no Botafogo

Pelo lado do Goiás, o técnico Enderson Moreira entende que a sua equipe, para superar o Botafogo, tem que ser mais eficiente do que foi diante do Náutico. O treinador considera que os seus comandados precisam corrigir alguns erros que estão cometendo, mas mesmo assim se mostra confiante para este sábado.

"Nós conseguimos um grande resultado contra o Náutico, mas sabemos que ainda estamos muito longe de apresentar o futebol que nós podemos mostrar. Estamos errando muitos passes e cometendo alguns equívocos que precisamos corrigir, principalmente quando se enfrenta um adversário do porte do Botafogo, que vem ocupando as primeiras colocações na tabela de classificação. Com obediência tática, tenho convicção de que podemos surpreender o nosso adversário", analisou o treinador do Goiás.

Para este jogo o Goiás tem os reforços do volante Dudu Cearense e do atacante Hugo, que retornam de suspensão e ocuparão as vagas de David e Paulo, respectivamente.

FICHA TÉCNICA
BOTAFOGO X GOIÁS

Local: Estádio Mané Garrincha, em Brasília (DF)
Data: 10 de agosto de 2013 (Sábado)
Horário: 18h30 (de Brasília)
Árbitro: Sandro Meira Ricci (PE)
Assistentes: Alessandro Rocha de Matos (BA) e Emerson Augusto de Carvalho (SP)

BOTAFOGO: Jéfferson, Gilberto, André Bahia, Dória e Julio Cesar; Marcelo Mattos, Renato, Seedorf e Vitinho; Elias e Rafael Marques.
Técnico: Oswaldo de Oliveira

GOIÁS: Renan, Vítor, Ernando, Rodrigo e William Matheus; Amaral, Dudu Cearense, Renan Oliveira e Tartá; Hugo e Walter.
Técnico: Enderson Moreira

    Notícias Recomendadas

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.