Tamanho do texto

Treinador deverá dar uma chance para o lateral chileno Eugenio Mena e ao atacante Giva na partida contra o time mineiro

O Santos deve ter duas mudanças em relação ao time que empatou com o Corinthians , na última quarta-feira, na Vila Belmiro. O técnico interino do Santos, Claudinei Oliveira, destacou que o chileno Eugenio Mena deve receber uma chance na lateral esquerda e Giva deve ser o escolhido como substituto de Willian José, expulso contra o Corinthians.

Claudinei Oliveira pretende poupar Léo contra o Cruzeiro e dar uma chance a Mena na lateral esquerda
Flickr/Santos F.C.
Claudinei Oliveira pretende poupar Léo contra o Cruzeiro e dar uma chance a Mena na lateral esquerda


Deixe seu recado e comente a notícia com outros torcedores

"O Mena tem convocação para a seleção chilena na quarta-feira e, como não vamos contar com ele contra o Vasco (na próxima quarta), a gente pensa em deixar o Léo de fora e colocar o Mena para jogar. Desta forma, o Léo vai estar 100% para jogar contra o Vasco, sem esse desgaste de ter que enfrentar o Cruzeiro ", disse Claudinei, esclarecendo a mudança na ala esquerda.

Sobre o ataque, o treinador rechaçou a possibilidade de colocar Thiago Ribeiro entre os titulares. Com isso, Giva deve formar o ataque ao lado de Neílton. "Ele é um jogador mais de beirada, mas pelo fato do Thiago não suportar os 90 minutos, é complicado escalá-lo. O ideal é começar com o Thiago como opção e usar durante o jogo, pela sua condição física. Vamos definir a equipe no trabalho tático de amanhã (sábado)", comentou.

Veja também: Sem saber se fica, Claudinei aguarda posicionamento do Santos sobre futuro

A única dúvida alimentada por Claudinei Oliveira diz respeito ao meio-campo. O técnico, porém, já descartou utilizar Renê Júnior, que se recuperou de lesão, contra o Cruzeiro. Desta forma, o interino alvinegro pode optar pela manutenção do volante Alison ou promover o retorno do meia Leandrinho aos titulares.

"Ainda estou analisando o Cruzeiro, antes de definir o esquema tático que iremos jogar. Nós trabalhamos jogo a jogo, mas 80% do time sempre vai jogar e vamos ter uma ou duas posições em aberto, para variação tática", encerrou.

Confira a tabela e a classificação do Brasileirão

Com isso, o Santos deve ir a campo com a seguinte escalação no domingo: Aranha; Cicinho, Edu Dracena, Durval e Mena; Alison (Leandrinho), Arouca, Cícero e Montillo; Neílton e Giva.

Futuro indefinido

Claudinei Oliveira também deu o seu posicionamento sobre a indefinição da diretoria sobre o cargo, após o Santos ter feito sondagens a Abel Braga e Ney Franco. O treinador santista destacou que, caso chegue um novo comandante para a equipe, a sua situação também precisa ser definida.

"O Santos conta e confia no meu trabalho, só que não tenho essa inocência de que, se chegar alguém, ele vai dizer: ‘senta aqui, meu amigão, porque você é o meu número um’. É natural que ele queira trazer alguém da sua confiança. E eu também não quero ficar como uma figura decorativa no clube. Não vou ser como uma árvore decorativa, só com salário. Não posso ficar sem função ou sem nenhum sentido aqui", comentou. 

Claudinei também disse que ninguém da diretoria veio conversra com ele a respeito das possíveis sondagens a outros treinadores. "Não me passaram nada, creio que não procuraram ninguém. Falaram para mim que se fossem procurar alguém, eu seria o primeiro a saber. Mas se procuraram eu não sei", afirmou.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.