Tamanho do texto

Time catarinense conta com atuação inspirada do atacante para voltar a vencer na Série B após duas derrotas seguidas

Após duas derrotas consecutivas na Série B , o Figueirense precisava do triunfo diante de sua torcida para voltar a ficar bem próxima dos quatro primeiros colocados da competição. Desta forma, o time alvinegro recebeu o Icasa e fez a lição de casa nesta terça-feira. Com um bom desempenho de seus atacantes, a equipe catarinense teve o domínio do jogo e conquistou a vitória por 3 a 0.

Deixe seu recado e comente a notícia com outros torcedores

Melhor desde o início de jogo, o Figueirense não demorou a abrir o placar em Florianópolis. Logo aos sete minutos de jogo, Tchô sofreu pênalti e Rafael Marques balançou as redes. No segundo tempo, com um jogador a mais, Ricardo Bueno mostrou categoria, ampliou a vantagem e garantiu os três pontos do time alvinegro.

Confira a classificação da Série B

Com o triunfo, o Figueirense chegou aos 22 pontos, mas não vai terminar a rodada entre os quatro primeiros colocados por causa do confronto entre Joinville e Paraná. O Icasa, por sua vez, segue longe do topo da tabela, com apenas 16 pontos, no 13º lugar.

Depois de conseguir se recuperar na competição, o Figueirense tem seu tradicional clássico na próxima rodada da Série B. Neste sábado, às 16h20 (de Brasília), o time alvinegro recebe o Avaí no Estádio Orlando Scarpelli. O Icasa, por sua vez, faz mais um jogo fora de casa. Na sexta, às 21h50, visita o Boa Esporte, em Varginha.

FICHA TÉCNICA - FIGUEIRENSE 3 X 0 ICASA
Local:
Estádio Orlando Scarpelli, em Joinville (SC)
Data: 6 de agosto de 2013, terça-feira
Horário: 21 horas (de Brasília)
Árbitro: Wagner Reway (MT)
Assistentes: Ricardo Pavanelli Lanutto (SP) e Vitor Carmona Metestaine (SP)
Cartões Amarelos: Dener, Hildo, Maylson (FIGUEIRENSE), Carlinhos, Guto e Juninho Potiguar (ICASA)
Cartão Veremelho: Da Silva (ICASA)

Gols
FIGUEIRENSE: Rafael Marques (de pênalti), aos oito minutos do primeiro tempo, e Ricardo Bueno, aos 21, e aos 33 minutos do segundo tempo

FIGUEIRENSE: Tiago Volpi (Neneca); Maylson, Douglas Marques, Douglas Silva (Guti) e Wellington Saci; Dener, Hildo, Tinga (Botti) e Tchô; Ricardo Bueno e Rafael Costa
Técnico: Adilson Batista

ICASA: João Ricardo; Neílson, Luís Otávio, Luis Gustavo e Carlinhos; Da Silva, Guto (Tadeu), Radamés, Elanardo (Leyrielton) e Chapinha; Juninho Potiguar (Gilmak
Técnico: Sidney Moraes

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.