Tamanho do texto

Na primeira partida do treinador Arturzinho, time paraense foi derrotado pelo América-MG em casa com uma atuação de baixa qualidade técnica

Na estreia do técnico Arturzinho, o Paysandu foi derrotado pelo América-MG em casa com uma atuação de baixa qualidade técnica. O novo comandante do Papão pediu paciência aos torcedores depois da primeira derrota em Belém na Série B do Campeonato Brasileiro.

"Paciência, é tudo o que eu peço nesse momento. Não fomos eficientes e nem eficazes apesar do bom volume de jogo que tivemos no primeiro tempo. Apesar do resultado, achei que já evoluímos. Sabia que não seria fácil, mas estou confiante e tenho certeza que ainda dá tempo para reverter esse quadro que vivemos", declarou o treinador.

Arturzinho admitiu que solicitou à diretoria reforços e destacou que tem consciência da situação difícil pela qual o Paysandu está enfrentando no momento.

"Assumir o Paysandu é o maior desafio da minha carreira. Mas eu vim porque acredito no projeto, mas não tive tempo ainda para ajustar. O trabalho está no começo. Eu sei do meu potencial. O Paysandu não vai cair e vamos conseguir tirar o time dessa situação. Precisamos nos reforçar e o presidente (Vandick Lima) está disposto", disse.

Após 13 rodadas disputadas, o Paysandu ocupa a 19ª colocação da Série B do Campeonato Brasilieiro, com 12 pontos. Na sexta-feira, o time bicolor recebe o Joinville, às 21h20, no estádio do Mangueirão.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.