Tamanho do texto

Meia-atacante chegou ao CT do clube inglês 35 minutos depois do início da atividade, após ter sido ameaçado de punição

Gareth Bale deseja se transferir para o Real Madrid
Reuters
Gareth Bale deseja se transferir para o Real Madrid

Gareth Bale não cumpriu sua palavra. Após dizer ao técnico André Villas-Boas que não se reapresentaria ao Tottenham caso seguisse impedido de se transferir ao Real Madrid, o galês apareceu no CT do clube, nesta terça-feira, e participou do treinamento com o restante do elenco. Mesmo assim, no entanto, causou polêmica.

Deixe seu recado e comente a notícia com outros torcedores

Isto porque chegou ao local da atividade cerca de 35 minutos depois de ela já ter começado. Dirigindo um veículo de luxo, o meia-atacante entrou rapidamente no CT do Tottenham e se juntou ao elenco.

Segundo a imprensa inglesa, após ouvir de André Villas-Boas que não estaria a venda, Bale ameaçou não comparecer ao treinamento desta terça-feira, que marcaria a reapresentação do grupo após o amistoso contra o Mônaco, do qual ele sequer participou. Ao ouvir isto, a diretoria londrina deixou claro que multaria o canhoto caso ele não aparecesse.

Eleito o melhor jogador do último Campeonato Inglês, Gareth Bale é o principal alvo do Real Madrid nesta janela de transferências. De acordo com jornais espanhóis, o clube merengue fez uma proposta de 100 milhões de euros (R$ 300 milhões) pelo jogador, que foi rejeitada pelos Spurs . O atleta teria se irritado com a resistência londrina e, por isso, negado-se a entrar em campo nos amistosos da equipe pela pré-temporada, sob a justificativa de estar lesionado.

Veja também: Envolvido em negociação com Real Madrid, Bale é ameaçado de morte

Ainda nesta terça-feira, a novela de sua negociação ganhou mais um capítulo. Kieth Mills, membro da diretoria do Tottenham, afirmou, em entrevista ao jornal London Evening  que não é possível forçar o meia-atacante a seguir no clube londrino para a próxima temporada. "Nós queremos que Bale fique, mas se um jogador está desesperador para sair, é muito difícil obrigá-lo a permanecer no time", explicou.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.