Tamanho do texto

Lateral-direito é apresentado e se coloca à disposição de Zé Teodoro, ao passo que lateral-esquerdo deve ficar longe após imbróglio entre dois empresários

Oziel é apresentado no Náutico
Simone Vilar/Site do Náutico
Oziel é apresentado no Náutico

Anunciados na última semana como reforços certos para Náutico , Oziel e Willian Rocha podem ter destinos completamente distintos. Enquanto o primeiro foi apresentado nesta segunda-feira e se colocou à disposição do técnico Zé Teodoro, o lateral esquerdo deve ficar longe após imbróglio entre dois empresários.

"Willian Rocha foi procurado pelo Náutico e ele se mostrou animado em defender a camisa alvirrubra. No primeiro momento, um empresário de nome ‘Gilvan’ se apresentou como procurador do atleta e acertamos detalhes da negociação. No momento da assinatura do contrato surgiu outro empresário, detentor de 20 ou 30% dos direitos econômicos do atleta, e os empresários não chegaram a um acordo. O Náutico não tem nada a ver com esse", explicou Marcílio Sales, membro do colegiado do clube.

Deixe seu recado e comente a notícia com outros torcedores

Os dirigentes do time pernambucano ainda esperam contar com futebol de Willian Rocha, mas garantem que não ficarão refém da briga entre os empresários. De acordo com Sales, se o entrave não for resolvido durante esta terça-feira, a diretoria já começará a busca por outro nome para ocupar a lateral esquerda.

Já a situação de Oziel está completamente resolvida. O lateral direito vestiu a camisa do Náutico pela primeira vez nesta segunda-feira e concedeu entrevista coletiva para se apresentar aos torcedores. Como não atua desde o final do Campeonato Paulista, o defensor pede tempo para entrar em forma e garante que a briga por posição com o coringa Auremir e o lateral Maranhão será saudável.

"Vou ter que mostrar dedicação a cada dia para merecer ser titular. Tem o Maranhão, que infelizmente se machucou - passará por artroscopia no joelho -- e o Auremir, que sabe jogar na posição. Eu preciso de pelo menos uma semana. Depois é ganhar ritmo nos treinos junto com o grupo", projetou o ex-jogador no Guarani.

No time de Campinas, Oziel foi um dos principais nomes da campanha que levou o time ao vice-campeonato paulista em 2012, mas não conseguiu repetir as boas atuações desde então. Neste ano, conviveu com o atraso no pagamento dos salários, fato que o motivou a acionar o Bugre na justiça: "São cinco meses de salários atrasados. Agora consegui também na justiça liberação para assinar com o Náutico".

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.