Tamanho do texto

As duas equipes tiveram sequências de vitórias interrompidas na última rodada da Série B

De um lado, quatro vitórias consecutivas; do outro, dez jogos de invencibilidade. Sport e Chapecoense, respectivamente, tiveram boas sequências interrompidas na última rodada da Série B do Brasileirão. Neste sábado, às 16h20 (de Brasília), os dois se enfrentam tentando voltar a acumular resultados positivos.

Comente esta notícia com outros torcedores

Mandante no sábado, o Sport foi quem sofreu o maior abalo no jogo mais recente. Após derrotar Joinville, América-RN, Avaí e Oeste, a equipe foi goleada por 5 a 0 pelo América-MG, que aparecia quatro posições abaixo na tabela.

O revés, porém, não surtiu maiores efeitos na tabela de classificação: o Sport segue na terceira posição com 21 pontos conquistados. Apesar do mau resultado, o técnico Marcelo Martelotte deve manter a escalação contra a Chapecoense.

A única mudança fica por conta da possível entrada do lateral esquerdo Pery, que deve fazer sua estreia após chegar do Salgueiro se for regularizado a tempo. Caso isso não aconteça, Renê fica com a vaga, já que Marcelo Cordeiro está suspenso.

O meia Lucas Lima espera encontrar um adversário fechado na tentativa de se recuperar da goleada sofrida pelo Leão da Ilha. "É um time que está surpreendendo, mas acho que eles vão nos respeitar, até por estarmos jogando em casa. A Chapecoense deve vir fechada, esperando por uma bola para decidir o jogo", declarou o jogador.

A Chapecoense, por outro lado, viu a sua invencibilidade na Série B do Campeonato Brasileiro cair na derrota por 3 a 1 para o Ceará. Enquanto o placar do revés foi menos elástico do que o sofrido pelo Sport, porém, os efeitos foram maiores: a equipe deixou a liderança da competição.

Com a derrota para o Ceará, que era apenas o 16º colocado ao início da última rodada, o time catarinense parou nos 23 pontos e viu o Palmeiras golear o Icasa por 4 a 0 para chegar à primeira colocação.

O meia Athos aposta na Chapecoense retomando seu melhor futebol em Recife. "Acumulados pontos importantes fora de casa e o revés não surtiu um efeito tão negativo, mas não podemos nos acostumar com isso. O Gilmar apontou nossos erros para procurar soluções para o jogo contra o Sport e tenho convicção de que vamos voltar a render. Não chegamos até aqui por acaso", afirmou.

Assim como seu adversário de sábado, a Chapecoense terá uma novidade na lateral esquerda. Alan, que se destacou no início da Série B, está liberado após cumprir suspensão preventiva por doping e disputa vaga com Anderson Pico.

FICHA TÉCNICA
SPORT x CHAPECOENSE

Local: Ilha do Retiro, em Recife (PE)
Data: 3 de agosto de 2013 (sábado)
Horário: 16h20 (de Brasília)
Árbitro: Jaílson Macedo Freitas (BA)
Assistentes: Janette Marca Arcanjo (MG) e Carlos Jorge Titara da Rocha (AL)

SPORT: Magrão; Fábio Bahia, Pereira, Tobi e Pery (Renê); Anderson Pedra, Rithely, Lucas Lima e Camilo; Marcos Aurélio e Felipe Azevedo
Técnico: Marcelo Martelotte

CHAPECOENSE: Nivaldo; Glaydson, Dão, Rafael Lima e Alan (Anderson Pico); Wanderson, Paulinho Dias, Augusto e Athos; Fabinho Alves e Bruno Rangel
Técnico: Gilmar Dal Pozzo

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.