Tamanho do texto

A próxima tentativa de fazer ao menos um gol e voltar a vencer, o que também não ocorre há muito tempo, será no sábado, diante do Benfica, pela Copa Eusébio

Rogério Ceni foi quem marcou o último gol do São Paulo na temporada
Gazeta Press
Rogério Ceni foi quem marcou o último gol do São Paulo na temporada

Imagine passar mais de dez horas esperando por um gol de seu time. Essa é a situação que vive atualmente a torcida do São Paulo. A equipe passou em branco nos últimos seis jogos, depois de ter balançado a rede pela última vez em 14 de julho, na derrota por 3 a 2 para o Vitória, em Salvador, pelo Campeonato Brasileiro.

Aloísio tira proveito de titularidade em derrotas na Copa Audi

Naquela ocasião, o segundo gol são-paulino foi anotado pelo goleiro Rogério Ceni, em cobrança de falta aos 35 do primeiro tempo. Desde então, incluindo acréscimos, foram 617 minutos (mais de dez horas) sem marcar, acumulados nos jogos contra Corinthians (duas vezes), Cruzeiro, Internacional, Bayern de Munique e Milan."

Temos que melhorar muito nosso último terço ofensivo. Temos que ser mais contundentes", disse o técnico Paulo Autuori. "Tivemos pelo menos três oportunidades claras (contra o Milan). Também perdemos chances contra Corinthians, Cruzeiro e Internacional. Tem que ter mais atenção com isso".

De fato, Paulo Henrique Ganso, Aloísio e Maicon quase vazaram o goleiro Amelia no duelo com o Milan, mas faltou capricho. Também fez falta o principal artilheiro são-paulino. O atacante Luis Fabiano, com contratura na coxa direita, ficou em recuperação no Brasil.

A próxima tentativa do São Paulo de fazer ao menos um gol e voltar a vencer, o que também não ocorre há muito tempo - há 14 jogos, desde 29 de maio, quando derrotou o Vasco por 5 a 1, no Brasileiro -, será no sábado, diante do Benfica, pela Copa Eusébio, em Lisboa. A excursão pelo exterior termina na quarta-feira, na disputa do do título da Copa Suruga, contra o Kashima Antlers, no Japão.

Apesar de ter sofrido gol nos duelos com Bayern e Milan, Autuori entende que o sistema defensivo já apresenta melhora em relação às partidas anteriores, disputadas no Brasil. O treinador se disse "mais tranquilo" com o setor, que acaba de perder Paulo Miranda, por lesão.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.