Tamanho do texto

"Pode ser um pouco velho, mas acho que ainda tem pelo menos mais dois bons anos", disse o treinador Slaven Bilic

Ronaldinho alça bola na área, jogada bastante explorada pelo Atlético
Andres Stapff/Reuters
Ronaldinho alça bola na área, jogada bastante explorada pelo Atlético

A diretoria do Atlético-MG poderá sofrer com a cobiça do Besiktas, da Turquia, pelo meia Ronaldinho Gaúcho nesta janela de transferências internacionais. Isto porque o técnico Slaven Bilic confirmou que se interessa pelo jogador, campeão da Libertadores recentemente pelo clube mineiro.

Bernard se diz pressionado a ir embora e que isso tem atrapalhado em campo

Em coletiva de imprensa, Bilic não escondeu sua vontade de contar com o melhor jogador do mundo dos anos de 2004 e 2005 pela Fifa. "Amaria tê-lo no meu elenco, nos ajudaria a chegar ao próximo nível. Pode ser um pouco velho, mas acho que ainda tem pelo menos mais dois bons anos", disse.

No entanto, o treinador do time turco não falou sobre negociações. "Não vamos falar muito sobre isso, pelo menos não neste estágio", pediu. O Besiktas é um dos clubes mais tradicionais da Turquia, e ainda tem o ex-corinthiano Dentinho, emprestado pelo Shakhtar Donetsk, no grupo.

O interesse do Besiktas pelo camisa 10 não é de hoje: nas fases finais da Libertadores, surgiu o rumor. Mas os turcos esperavam pelo final da competição continental para oficializar o interesse, de modo a não atrapalhá-lo na campanha que deu o primeiro título do Atlético-MG.

Após o título, Bernard saiu, mas ainda não tem destino certo - Arsenal, Porto e Shakhtar fazem um ‘leilão’ pela sua contratação. O técnico Cuca já pediu para a diretoria mais reforços, já que o time disputará o Mundial de Clubes da Fifa, em dezembro, no Marrocos, junto do Bayern de Munique.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.