Tamanho do texto

Objetos foram atirados por torcedores do São Paulo; clubes se enfrentam logo mais pela primeira partida da Recopa Sul-Americana

Marcas de pedradas no ônibus que trouxe elenco do Corinthians para o Morumbi
Pedro Taveira/iG São Paulo
Marcas de pedradas no ônibus que trouxe elenco do Corinthians para o Morumbi

O ônibus que trouxe a delegação do Corinthians para o estádio do Morumbi foi alvo de pedradas e tiros de rojões. Os objetos foram atirados por torcedores do São Paulo . Os clubes se enfrentam às 21h50 desta quarta-feira pela primeira partida da Recopa Sul-Americana.

Deixe seu comentário para esta notícia!

Os carros com elencos dos arquirrivais chegaram juntos ao Morumbi. O objetivo era fazer com que os são-paulinos aproveitassem a festa por seu time e ignorassem os corintianos. A medida já havia sido adotada nos duelos contra o Atlético-MG pela Copa Libertadores, mas também sem sucesso.

Marcas de amassado no ônibus deixam claro os locais acertados pelas pedras. O carro também estava muito molhado de cerveja e urina. Ao desembarcar, o presidente do Corinthians Mário Gobbi repudiou a atitude dos torcedores rivais.

LEIA: Apenas 28 mil ingressos são vendidos para jogo de ida da Recopa no Morumbi

“Uma chegada como essa era pra nem ter o jogo de tristeza”, disse o dirigente alvinegro.

Na última terça-feira, o atacante Paolo Guerrero afirmou que a já tradicional recepção da torcida do São Paulo a seus adversários no Morumbi motiva ainda mais os corintianos.

“Entramos com raiva de vencer o jogo”, resumiu o peruano.