Tamanho do texto

Reforços disputaram o Paulistão. Val estava no Mogi Mirim e Bruninho no Atlético Sorocaba

A diretoria do Flamengo apresentou mais dois reforços para o time que disputará a Copa do Brasil e a Série A do Brasileirão: o volante Val, que estava no Mogi Mirim, e o meia Bruninho, destaque do Atlético Sorocaba, já vestiram a camisa rubro-negra, entregue pelo coordenador de futebol Sérgio Helt, na manhã desta sexta.

Bruninho e Val foram apresentados pelo Flamengo
Site oficial do Flamengo
Bruninho e Val foram apresentados pelo Flamengo

Bruninho, com 23 anos de idade, mostrou-se mais à vontade para conversar com a imprensa. O jogador, que também foi cobiçado pelo Santos, sofreu para comprar 50% dos seus direitos federativos. "É a oportunidade da minha carreira. Sempre quis vestir essa camisa. Ela caiu bem em mim, e, agora, espero não tirá-la", comemorou o atleta.

Uma das revelações deste Paulista, Bruninho ainda analisou o seu estilo de jogo. "Sou um jogador de força e velocidade. Espero poder render tão bem quanto vinha rendendo em São Paulo", traçou.

Já Val, mais tímido, também celebrou o acerto com o clube carioca. "Meu sonho, enfim, se realizou, porque qualquer jogador que está em um time de menor investimento sonha em defender um grande clube. Sou volante que gosta de sair para o jogo, mas também posso atuar mais preso. O que eu quero é ajudar o Flamengo a conquistar títulos", garantiu.

E estes não foram os únicos reforços que a cúpula flamenguista contratou do interior paulista. O volante Diego Silva e o atacante Paulinho, ambos do XV de Piracicaba, já estão integrados ao elenco. Sobre outros reforços na Gávea, o zagueiro Roger Carvalho, do Bologna, da Itália, será apresentado na próxima janela de transferências internacionais.

No entanto, os dirigentes do Fla ainda não estão satisfeitos. Isto porque o lateral-direito Felipe Mattioni, do Espanyol, da Espanha, é o próximo alvo do Flamengo. Revelado pelas categorias de base do Grêmio, o jogador de 24 anos seria o reserva imediato de Leonardo Moura. Vice-presidente do Flamengo, Paulo Pelaipe confirmou que o clube quer alguém para este setor. Cicinho, que deixou o Sport no meio desta semana, é outro cotado, mas o alto salário seria empecilho.