Tamanho do texto

Luis Fabiano não disputa uma partida desde a derrota para o Corinthians há 20 dias

O atacante Luis Fabiano tinha a expectativa de voltar aos jogos pelo São Paulo neste domingo, mas foi vetado pelo departamento clínico, em função de um problema muscular na coxa esquerda. O médico do clube, José Sanchez, espera liberar o atleta já para a próxima fase do Campeonato Paulista, contra o Penapolense.

"Conversei com ele e expliquei que a recuperação é rápida, mas que deveria ficar fora do jogo. A expectativa é bastante otimista de que possa até jogar no fim de semana", afirmou o médico, à rádio Jovem Pan .

Luis Fabiano não disputa uma partida desde a derrota no clássico contra o Corinthians, no dia 31 de março. Na ocasião, o atacante sofreu um trauma na panturrilha esquerda, que o tirou dos gramados nas rodadas seguintes. Além disso, o jogador também vem cumprindo na Copa Libertadores a punição de quatro jogos imposta pelo Tribunal Disciplinar da Conmebol.

Como o camisa 9 se recuperou da lesão na panturrilha, José Sanchez explicou que o atleta queria jogar contra o Mogi Mirim, neste domingo, mas foi impedido, já que o novo problema, desta vez na coxa, poderia ser agravado em caso de esforço.

"O Luis sentiu dor na região posterior da coxa e, como conseguiu treinar assim no sábado, estava disposto a vir para o jogo, mas expliquei para ele que o risco era grande e que deveríamos fazer uma avaliação. Para ter segurança na decisão, fizemos o exame, que mostrou que ele tem um edema na coxa", acrescentou.

O médico fica atento também a partir de agora com o volante Fabrício, que foi substituído por Douglas no intervalo contra o Mogi, em função de um problema no tornozelo.

"Ele teve uma entorse de tornozelo, o pé virou para os dois lados. Já tem um pouco de edema e está com bastante dor agora. Devemos avaliá-lo amanhã (segunda) para saber uma informação complementar", completou.