Tamanho do texto

Os "gringos" Seedorf e Lodeiro foram os destaques da vitória do time alvinegro por 4 a 1

Classificado com antecedência, o Botafogo entrou em campo com time misto para enfrentar o Nova Iguaçu, que ainda sonhava com uma vaga na semifinal da Taça Rio. Com diversos titulares poupados, o Glorioso não encontrou dificuldades e derrotou o adversário por 4 a 1 com um show de futebol de Lodeiro e Seedorf, garantindo a liderança do Grupo A e a vantagem na semifinal.

Seedorf comemora o primeiro gol do Botafogo contra o Nova Iguaçu
Site oficial
Seedorf comemora o primeiro gol do Botafogo contra o Nova Iguaçu

Vivendo uma boa fase, o Botafogo mostrou tranquilidade para trabalhar a bola no início do jogo e logo aos sete minutos o Glorioso quase abriu o placar. Após receber um belíssimo passe de Vitinho, Seedorf tinha espaço claro para chutar ao gol, mas acabou segurando muito a bola e sendo cortado pela defesa.

Dominando totalmente a partida, o Botafogo não dava chances para o Nova Iguaçu se lançar ao ataque e balançou as redes logo aos 19 minutos. Após cruzamento de Lodeiro, Seedorf pulou sozinho e cabeceou no canto do gol de Jefferson para abrir o placar. Dez minutos depois, foi a vez do uruguaio tentar deixar sua marca, mas Antônio Carlos acabou desviando na bola em posição irregular.

Mesmo com time misto, a equipe alvinegra não encontrava dificuldades para criar suas jogadas. Enquanto o Nova Iguaçu sonhava em tentar a virada para se manter vivo na luta pela classificação, o Botafogo se mostrava tranquilo dentro do campo, sem deixar o adversário articular nenhum lance ofensivo.

No segundo tempo, o Botafogo voltou para campo com a mesma postura ofensiva. Logo aos dois minutos, Seedorf armou contra-ataque com passe perfeito para Lodeiro, que arrancou, driblou o goleiro, mas acabou mandando por cima do gol do Nova Iguaçu. Depois do incrível gol perdido pelo Glorioso, o Nova Iguaçu passou a tomar o controle dasações do jogo, mas não conseguia levar perigo à meta do goleiro Jefferson.

Enquanto o Nova Iguaçu criava mas não conseguia chegar ao gol, o Botafogo fazia diferente. Após bela jogada de Bruno Mendes, o atacante acertou a trave e, no rebote, Lodeiro mandou para o fundo das redes para ampliar a vantagem alvinegra aos 12 minutos. Após marcar o segundo gol, o time alvinegro voltou a se embalar na partida. De novo no comando do jogo, o Glorioso marcou o terceiro gol aos 24 minutos, quando após bela jogada de Seedorf, Lodeiro mergulhou e fez, de peixinho, seu segundo gol na partida.

Com a partida totalmente sob controle, o Botafogo teve uma grande chance para ampliar o placar aos 30 minutos. Vitinho aproveitou o vacilo da zaga do Nova Iguaçu, arrancou em velocidade mas acabou mandando para fora. Chegando nos minutos finais, a partida passou a ter um ritmo um pouco mais lento e só voltou a ter um bom lance aos 42 minutos, quando Dieguinho diminuiu para o Nova Iguaçu, mas acabou vendo o Glorioso sacramentar de vez a vitória aos 44, com Vitinho balançando as redes e marcando o quarto gol do time alvinegro.

FICHA TÉCNICA
BOTAFOGO 4 X 1 NOVA IGUAÇU

Local : Estádio de Moça Bonita, no Rio de Janeiro (RJ)
Data : 14 de abril de 2013, domingo
Horário : 16 horas (de Brasília)
Árbitro : Luís Antônio Silva dos Santos (RJ)
Assistentes : Wagner Santos e Jackson dos Santos (ambos do RJ)
Cartões amarelos : Vitinho (Botafogo); Silvio (Nova Iguaçu)

Gols : BOTAFOGO: Seedorf, aos 19 minutos do primeiro tempo; Lodeiro, aos 12 e aos 24, e Vitinho, aos 44 minutos do segundo tempo; NOVA IGUAÇU: Dieguinho, aos 41 minutos do segundo tempo

BOTAFOGO : Jéfferson, Lucas, Antonio Carlos (Dória), André Bahia e Lima; Gabriel (Júlio César), Renato (Jadson), Lodeiro, Vitinho e Seedorf; Bruno Mendes
Técnico : Oswaldo de Oliveira

NOVA IGUAÇU : Jefferson, Marcelinho, Leonardo, Sílvio e Uallace; Filipe(Márcio Guerreiro), Léo Salino, Rodrigo Souza, Tiago Correa(Dieguinho) e Gláuber(Belarmino); Maycon
Técnico : Leonardo Condé

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.