Tamanho do texto

“Você [repórter] está querendo que eu vá embora? Todo mundo sabe do meu sentimento pelo Vasco, foi um amor que construí", disse o zagueiro

Com o Vasco já eliminado do Campeonato Carioca, o principal assunto após a vitória por 3 a 1 sobre o Quissamã , neste sábado, foi a possível saída de Dedé do Cruz-maltino. Mas, mesmo com todos os holofotes voltas para ele, o defensor não quis entrar em detalhes sobre uma possível transferência.

Mesmo já eliminado, Vasco vence em casa e rebaixa o caçula Quissamã

“Você [repórter] está querendo que eu vá embora? Todo mundo sabe do meu sentimento pelo Vasco, foi um amor que construí. Sou grato por tudo o que fiz aqui. Ainda não aconteceu nada. Graças a Deus, só tenho a agradecer. Se cheguei aqui, cheguei pelo apoio da torcida”, disse.

Dedé marcou um dos gols do Vasco sobre o Quissamã
Luciano Belford/Futura Press
Dedé marcou um dos gols do Vasco sobre o Quissamã

Dedé foi o autor do primeiro gol do Vasco e teve durante quase todo o jogo sua permanência pedida pelos torcedores que compareceram a São Januário. No entanto, a venda do zagueiro é vista pela diretoria como uma maneira de ajudar a solucionar os problemas financeiros mais imediatos pelos quais o clube vem passando. O Corinthians e o Cruzeiro têm sido apontados como os destinos mais prováveis do atleta.

Vasco recusa oferta do Cruzeiro por Dedé, mas mineiros não desistem

Sem a permanência de Dedé garantida, o Vasco cumpre tabela contra o Madureira, no próximo sábado. Neste domingo, o elenco cruz-maltino ganha folga.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.