Tamanho do texto

No entanto, a recente dívida constatada no valor de R$ 750,7 milhões pode acabar sendo um fator prejudicial ao projeto de novas contratações

Desde o início da nova gestão, o Flamengo vem convivendo com uma busca intensa por reforços. No entanto, a recente dívida constatada no valor de R$ 750,7 milhões pode acabar sendo um fator prejudicial ao projeto de novas contratações. Ciente do fato e também da necessidade do clube, o técnico Jorginho reforçou o ideal da busca por novos atletas, que possam complementar o grupo rubro-negro dando uma qualidade ainda maior ao time.

Deixe o seu recado e comente a notícia com outros torcedores

"Isso é uma necessidade em qualquer grupo ainda mais no Flamengo, pois conheço o torcedor. Se em cinco minutos o time não tem vontade, as coisas ficam difíceis. Acho que temos um bom plantel, mas precisamos de reforços para tornar um grupo com cara de Brasileiro e temos que trazer pontualmente jogadores que tem essa coisa de Flamengo, raça esangue nos olhos. Tenho certeza que faremos um bom Brasileiro. Além disso, o atleta que não tem compromisso com o clube e não cuida do corpo, não tem como. Hoje, não pode jogar apenas com a técnica, é preciso ter compromisso com a imagem", disse Jorginho.

Ainda em fase de testes na busca pela "equipe ideal", o treinador vem promovendo diversas alterações nos últimos jogos da equipe rubro-negra, mas o fato, no entanto, é valorizado pelo comandante, que ressaltou a presença de um olhar mais direcionado quando o resultado positivo acaba não chegando.

Leia mais: Mesmo eliminado, Luiz Antônio diz que Fla está motivado para o clássico

"Não existe intenção de implantar a filosofia de um outro pais. É uma necessidade, uma vitória ou uma classificação poderia maquiar coisas para o Brasileiro. Temos um olho mais clínico quando a gente perde. O planejamento que não queremos é viver esse momento ruim que sempre o time vem passando"

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.