Tamanho do texto

O melhor jogador do mundo é dúvida para o compromisso do Barcelona contra o PSG, pelas quartas de final da Liga dos Campeões

Dois dias depois da goleada por 5 a 0 sobre o Mallorca, pela 30ª rodada do Campeonato Espanhol, o Barcelona ganhou mais um período de folga antecedendo o confronto decisivo diante do Paris Saint-Germain, no segundo jogo das oitavas de final da Liga dos Campeões da Europa. A única dúvida do técnico Tito Vilanova, além do brasileiro Adriano, é Lionel Messi, que intensificou seu tratamento e trabalhou também nesta segunda-feira.

Deixe o seu recado e comente a notícia com outros torcedores

De acordo com um breve comunicado divulgado pelo próprio Barcelona, Messi não treinou em campo, mas fez trabalhos de condicionamento físico seguidos de uma sessão de fisioterapia para tratar as dores no músculo femoral da perna direita. Dessa forma, o argentino é dúvida para o compromisso de quarta-feira, em Camp Nou, às 15h45 (de Brasília). Caso seja escalado, ele pode correr risco de agravar seu quadro clínico.

Segundo informações do jornal Marca, o temor do departamento médico do clube espanhol é liberar Messi para entrar em campo diante do PSG, mas acabar perdendo seu principal jogador para a sequência da Liga dos Campeões da Europa e também do Campeonato Espanhol – na competição continental, o time segurou um empate em Paris e joga com vantagem na Espanha. Já pelo torneio nacional, são 78 pontos somados, 12 de vantagem em relação ao vice-líder Real Madrid restando oito rodadas para o encerramento da competição.

Leia mais: Neymar é o quinto jogador mais bem pago do mundo. Beckham lidera lista

O grupo de jogadores volta aos treinamentos apenas na tarde desta terça-feira, iniciando preparação para a partida decisiva que será realizada no dia seguinte, em Camp Nou. Os médicos, Vilanova e o próprio Messi definirão em conjunto a melhor forma de utilizar o argentino, que também pode começar no banco de reservas.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.