Tamanho do texto

Dupla de volantes do Corinthians repetiram parceria e ajudaram na vitória diante da Bolívia

Fundamentais no meio-campo do Corinthians, os volantes Paulinho e Ralf repetiram a dupla de forma bem-sucedida na goleada diante da Bolívia, alcançada em Santa Cruz de la Sierra na tarde de sábado. Satisfeito, o primeiro valorizou a parceria e o resultado de 4 a 0.

Deixe o seu recado e comente esta notícia com outros torcedores


"Com os anos jogando no Corinthians, temos um bom entrosamento. Retornar à Seleção depende de nós e esperamos ter feito um bom jogo para podermos voltar. Se Deus quiser e merecemos, vamos fazer bas partidas pelo clube para conseguir continuar", declarou.

Leia mais: Cheio de desfalques, Corinthians pega o São Bernardo para ainda sonhar com G4

O Brasil abriu o placar diante dos bolivianos com um gol de Leandro Damião logo no começo da partida e não correu maiores riscos até o apito final. Neymar (2) e Leandro completaram o placar em uma tarde de pouco trabalho para os volantes que defendem o Corinthians.

Diante das condições do amistoso contra a Bolívia, a performance foi um sucesso, apontou Paulinho. "Fizemos uma partida muito boa. Para quem jogou sem treinar e sem entrosamento, foi um grande jogo e um resultado muito importante", afirmou o parceiro de Ralf.

O confronto disputado em Santa Cruz foi o penúltimo teste do Brasil antes da divulgação da lista para a disputa da Copa das Confederações. No ensaio derradeiro, marcado para o próximo dia 24 de abril, o time do técnico Luiz Felipe Scolari encara o Chile, no Estádio do Mineirão.

"Acredito que ele (Felipão) já tenha a base que vai para a Copa das Confederações. Nós, jogadores, temos que jogar e, quando surgir a chance, abraçar da melhor forma possível. Eu não estou garantido. Tenho que trabalhar para retornar e ser convocado, se Deus quiser", afirmou.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.