Tamanho do texto

Provável dupla de ataque em amistoso não é formada desde os Jogos de Londres em 2012

Neymar e Pato jogaram a Copa América em 2011
AE
Neymar e Pato jogaram a Copa América em 2011

O amistoso entre Brasil e Bolívia, neste sábado, marcará a reedição da dupla de atacantes com Neymar e Alexandre Pato. Sem atuar com o colega desde agosto do ano passado, o astro do Santos se mostrou ansioso pela oportunidade de fazer a parceria pela primeira vez sob o comando de Luiz Felipe Scolari.

Leia também: Presidente da Portuguesa acompanha a seleção em amistoso

"O Pato é um grande jogador e vai ser uma honra muito grande ter a oportunidade de jogar com ele novamente", afirmou o atacante do Peixe, antes de embarcar no Aeroporto de Congonhas, em São Paulo, na tarde desta sexta-feira.

Pato e Neymar não jogam juntos desde 15 de agosto do ano passado, quando ficaram ao mesmo tempo em campo por poucos minutos na vitória por 3 a 0 sobre a Suécia, ainda sob o comando de Mano Menezes.

E mais: Internauta do iG elege Neymar como a maior decepção da seleção de Felipão

Naquele jogo, disputado pouco depois da medalha de prata nas Olimpíadas de Londres, o santista iniciou entre os titulares, enquanto o então atleta do Milan entrou no segundo tempo, na vaga de Leandro Damião.

Já diante da Bolívia, na primeira vez em que Felipão convocou o jogador do Corinthians, a expectativa é de que o treinador coloque os dois juntos na formação principal. Como o jogo está marcado para este sábado, às 16h30 (de Brasília), o técnico não terá tempo para treinar, o que pode ajudar Neymar a descansar.

O atacante atuou na noite de quinta-feira pelo Santos, contra o São Caetano, e até fez gol, em compromisso válido pelo Campeonato Paulista. Mesmo sem tempo para repousar, Neymar deu um sorriso nesta sexta para falar que está apenas "um pouquinho" cansado.