Tamanho do texto

Com apenas quatro pontos, o clube carioca está em situação muito complicada no Estadual, bem perto de uma eliminação precoce

Após a derrota para o Audax, por 2 a 1, no último domingo, pelo Campeonato Carioca, o Flamengo precisava de uma vitória nesta quarta-feira, na estreia da Copa do Brasil, para amenizar a pressão da torcida. Desta forma, diante do Remo, no Estádio do Mangueirão, a equipe carioca conseguiu um importante triunfo por 1 a 0 , que foi valorizado pelo treinador Jorginho.

Jorginho, técnico do Flamengo
WAGNER MEIER / Agif/Gazeta Press
Jorginho, técnico do Flamengo

"Foi um jogo difícil, a gente podia ter definido a classificação aqui, mas foi ótimo já levar uma vantagem para o Rio de Janeiro. Eu achei a equipe muito mais compacta, ao mesmo tempo com força ofensiva, mas defendendo bem. Estamos trabalhando, estamos crescendo, estamos longe do nosso ideal e o torcedor sabe disso", analisou o comandante.

Confira: Flamengo vence Remo em Belém, mas não elimina jogo da volta

Ao constatar uma evolução de sua equipe, Jorginho também definiu quais devem ser as prioridades do Flamengo nas próximas semanas. Com apenas quatro pontos, o clube carioca está em situação muito complicada no Estadual, bem perto de uma eliminação precoce. Apesar do panorama, Jorginho alega que não irá desistir enquanto houver chances, mas admite que a prioridade é outra.

"Essa competição se torna muito importante pra nossa gente. Sem dúvidas nenhuma iremos tratar a Copa do Brasil como prioridade. Nossas chances são mínimas, mas eu quero deixar bem claro que ainda existe e iremos agarrar nisso", concluiu o treinador que volta a comandar sua equipe neste domingo, contra o Duque de Caxias.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.