Tamanho do texto

Pablo Migliore é suspeito de ter ligações com Maximiliano Mazzaro, refugiado há três meses pelo assassinato de Ernesto Cirino

Pablo Migliore é suspeito de encobrir um assassinato
Santiago/Getty Images
Pablo Migliore é suspeito de encobrir um assassinato

Correndo risco de rebaixamento no Campeonato Argentino, o San Lorenzo ainda teve o clima interno afetado por uma má notícia fora dos gramados. O goleiro titular da equipe, Pablo Migliore, foi detido na noite deste domingo por encobrimento de um assassinato.

Deixe o seu recado e comente esta notícia com outros torcedores

A polícia invadiu o próprio estádio Novo Gasômetro para capturar o jogador de 31 anos após a derrota do Ciclón por 1 a 0 para o Newell’s Old Boys pela sétima rodada do Torneo Final.

O ex-goleiro do Boca Juniors é suspeito de ter ligações com o barra brava xeneize Maximiliano Mazzaro. O número 2 da torcida organizada La Doce está refugiado há três meses pelo assassinato de Ernesto Cirino em 2011 e teria contado com o auxílio de Migliore para encobrir o caso.

Nesta segunda-feira, Matías Lammens, presidente do San Lorenzo, saiu em defesa de seu atleta. “É um assunto pessoal do jogador, temos contrato com ele e não vamos modificar nada. Acreditamos em sua inocência”, declarou.

Veja fotos de outros atletas que tiveram problema com a Justiça:


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.