Tamanho do texto

Confira como ficou as situação das principais seleções de cada continente após as últimas rodadas das eliminatórias para Mundial 2014

Não foi dessa vez que alguma seleção garantiu seu lugar na Copa do Mundo de 2014. O Japão, país que poderia carimbar sua passagem para o Brasil no ano que vem, ficou no quase, mas segue em situação tranquila.

Assim como japoneses, Argentina, Holanda e Alemanha também estão muito perto da vaga. Já times importantes como Uruguai, Paraguai, México e Portugal seguem com o sinal de alerta ligado. Da Oceania, a Nova Zelândia se assegurou na repescagem contra uma equipe da Concacaf.

Confira a situação das principais seleções de cada continente nas eliminatórias para o Mundial 2014:

América do Sul
A Argentina segue sobrando e deverá garantir sua vaga na Copa 2014 com tranquilidade. Com uma vitória por 3 a 0 sobre a Venezuela e um empate em 1 a 1 com a Bolívia na altitude de La Paz, os argentinos chegaram a 24 pontos, 11 a mais que o Uruguai, sexto colocado. Faltam ainda cinco rodadas.

Já os uruguaios vivem situação complicada depois de um empate por 1 a 1 com o Paraguai e uma derrota por 2 a 0 para o Chile. Com 13 pontos, não iriam nem para a repescagem se as eliminatórias terminassem hoje. Além de Argentina, as vagas ficariam com Equador, Colômbia e Chile. Venezuelanos iriam para a repescagem.

A grande decepção segue sendo o Paraguai, lanterna da disputa e perto da desclassificação. Foram somente oito pontos conquistados. São sete a menos que a Venezuela e 15 ainda a serem disputados.

LEIA:  Na altitude de La Paz, câmera flagra Messi vomitando durante jogo com a Bolívia

Europa

Holanda e Alemanha caminham com passos largos para uma vaga tranquila no Mundial 2014. Líderes de seus grupos, as seleções possuem sete e oito pontos de vantagem para os segundos colocados, respectivamente.

A Espanha venceu a França e segue brigando ponto a ponto com a rival pela primeira posição da chave. Em outro grupo, Portugal venceu Azerbaijão e conseguiu um pouco mais de tranquilidade, embora hoje não estivesse classificada nem para a repescagem.

Já a Inglaterra empatou com Montenegro e segue na segunda colocação de sua chave, atrás justamente do adversário. Itália tem situação confortável.

VEJA:  Espanhóis exaltam força da França para valorizar vitória em Paris

Ásia

O Japão perdeu a chance de ser o primeiro país a assegurar vaga na Copa ao perder para a Jordânia. A equipe, porém, segue em situação muito tranquilo. Mas a grande surpresa asiática é Uzbequistão, que lidera a outra chave à frente de Coreia do Sul.

Américas do Norte, Central e Caribe
A disputa na Concacaf segue embolada. O México continua como decepção após acumular dois empates nas últimas rodadas. O país possui três pontos e ocupa a quinta colocação. Hoje não conseguiria nem disputar a repescagem.

O Panamá, que empatou com a Jamaica e derrotou Honduras, lidera com cinco pontos em três jogos. Costa Rica e Estados Unidos vêm na sequência. A vaga no playoff intercontinental, por enquanto, é de Honduras.

E MAIS:  México vacila em casa contra os EUA e segue sem vencer no hexagonal

Oceania

Para quem esperava ver o pequeno Taiti dar o ar da graça no Brasil em 2014, assim como fará neste ano na Copa das Confederações, pode esquecer. O representante da Oceania na repescagem contra a Concacaf (o continente não tem uma vaga direta) é a Nova Zelândia.

África
Restam ainda três rodadas para o término da atual fase das eliminatórias africanas e Tunísia, Egito e Congo estão nas situações mais confortáveis. Com 100% de aproveitamento, lideram suas chaves. São dez grupos com quatro seleções e a primeira colocada de cada avança para a última etapa: duelos mata-mata com esses dez times.