Tamanho do texto

Messi deixou o dele. Há 16 anos time não dividia seus artilheiros em goleada com seis gols

Messi tenta bicicleta. Argentino marcou uma vez na goleada sobre o Getafe no Camp Nou
Getty Images
Messi tenta bicicleta. Argentino marcou uma vez na goleada sobre o Getafe no Camp Nou

Nem mesmo o horário (12 horas, na Espanha) e desfalques na equipe titular foram capazes de atrapalhar o Barcelona em mais um jogo do Campeonato Espanhol. Neste domingo, a equipe de Lionel Messi fez 6 a 1 no Getafe, no estádio Camp Nou, em partida válida pela 23ª rodada.

Barcelona goleia mais um rival no Espanhol? O time de Messi já é o campeão? Opine!

Pela ordem, Alexis Sanchez, Messi, Villa, Tello, Iniesta e Piqué anotaram os gols. Desde novembro de 1996, quando goleou o Valladolid pelo mesmo placar, o Barcelona não vencia um jogo com gols de seis jogadores diferentes. 

O Barcelona chega aos 62 pontos na tabela e amplia para 12 pontos sua vantagem em relação ao vice-líder, Atlético de Madri. O time da capital espanhola joga neste domingo contra o Rayo Vallecano. O Getafe é o 12º colocado com 29 pontos.

O próximo compromisso do Barcelona será no próximo domingo, às 17 horas (de Brasília), quando mede forças com o Granada, no estádio Nuevo Los Cármenes. No mesmo dia e horário, Getafe volta a atuar em casa e enfrenta o Celta de Vigo, no Coliseum Alfonso Pérez.

O jogo
Assim como já ocorreu em outros duelos desta temporada, o Barcelona foi comandado pelo auxiliar-técnico Jordi Roura, já que o treinador Tito Vilanova segue em tratamento para recuperação de um tumor maligno da glândula parótida. Apesar de ocupar interinamente o posto principal no banco de reservas, Roura atuou com autoridade e promoveu mudanças na escalação titular da equipe.

Sem contar com Xavi, lesionado, o auxiliar-técnico colocou Daniel Alves, Fábregas, Busquets e Pedro entre os suplentes, optando por escalar Adriano, Song, Thiago Alcântara, Alexis Sánchez e David Villa. As ausências não causaram grandes transtornos ao time da casa, que dominou as ações ofensivas do confronto desde o início.

Aos seis minutos, Andrés Iniesta dominou bola pelo meio-campo e deu belo passe em profundidade para Sánchez. O atleta chileno dominou a bola em velocidade, invadiu a área e, de perna esquerda, tocou na saída do goleiro Codina, que nada pode fazer para evitar o gol da equipe catalã.

Atuando mais centralizado no embate deste domingo, Iniesta se tornou o principal armador do Barcelona e voltou a ser decisivo aos 13 minutos. O camisa oito cruzou para Thiago Alcântara, dentro da área. O meio-campista ajeitou para Lionel Messi, que só teve o trabalho de empurrar para o fundo das redes e marcar o segundo gol do time comandado por Jordi Roura.

O camisa dez argentino, aos 32 minutos, ainda teve chance para aumentar a vantagem no marcador, quando arrematou na trave após cruzamento de Alexis Sánchez, mas falhou na tentativa. Com isto, o Barcelona foi para os vestiários triunfando por 2 a 0.

O Barcelona retornou para a etapa complementar com o mesmo ímpeto ofensivo que apresentou nos minutos iniciais, e com Daniel Alves na vaga de Adriano. Em boa descida pelo lado esquerdo, aos 13 minutos, o lateral Jordi Alba tocou para David Villa, que levou a melhor na disputa em velocidade com os zagueiros, tocou entre as pernas do goleiro do Getafe e anotou seu sexto gol nesta edição do Campeonato Espanhol.

Insatisfeito com a atuação de sua equipe, o treinador Luis García optou por colocar o meio-campista Pedro León na vaga do camisa dez, Gavilán, aos 20 minutos. A alteração não surtiu efeito e a equipe da casa seguiu dominando as ações da partida. Alexis Sánchez, aos 22 minutos, quase marcou o quarto gol, mas Codina fez boa intervenção.

A equipe comandada por Jordi Roura seguiu em ritmo intenso até os momentos finais do embate. Tello, que havia entrado na vaga de Sánchez, marcou aos 34 minutos em chute forte de perna direita do lado de fora da área. O Getafe ainda diminuiu aos 37 minutos, com Álvaro. Entretanto, Iniesta, aos 45 minutos, e Piqué, aos 47 minutos, garantiram o placar elástico e encerraram a contagem no Camp Nou.

*com Gazeta

    Leia tudo sobre: lionel messi
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.