Tamanho do texto

O resultado termina com a invencibilidade colorada no Gauchão e faz o time cair do 2º para o 3º lugar do Grupo B, com 8 pontos

Em seu terceiro jogo como técnico do Internacional , Dunga conheceu a primeira derrota. Nesta quarta, o time B do Colorado foi à Arena Alviazul, jogou mal e foi derrotado pelo Lajeadense por 1 a 0, gol de Jandson. O resultado termina com a invencibilidade colorada no Gauchão e faz o time cair do 2º para o 3º lugar do Grupo B, com 8 pontos.

Deixe seu recado e comente a notícia com outros torcedores

A partida foi fraca tecnicamente. No primeiro tempo, o Inter teve mais a iniciativa, mas era o time da casa que chegava com mais perigo. O gol marcado por Jandson veio em uma decisão da zaga colorada após bola parada, aos 41 minutos. A etapa final foi mais aberta, mas o Colorado não conseguiu ser superior em momento algum, merecendo a derrota.

A vitória mantém o Lajeadense invicto e o leva à vice-liderança do Grupo A, com 11 pontos. O time de Lajeado segue invicto contra a Dupla Gre-Nal desde que voltou àelite gáucha. De 2011 para cá, foram duas vitórias e três empates em cinco jogos. No sábado, a equipe visita o Canoas. Já o Inter receberá o Pelotas, no Estádio do Vale, em Novo Hamburgo, também sábado.

O jogo

O primeiro tempo foi equilibrado na Arena Alviazul. Empurrado pela torcida, o Lajeadense tentou fazer valer o fator local no começo e assustou logo aos três minutos: Rafael Aidar cruzou para Jandson se antecipar à zaga e obrigar Agenor a uma grande defesa.

Mas foi um lance isolado. A partida seguiu em ritmo lento, estudado, com os times arriscando pouco. Aos 26, Márcio Goiano avançou pela esquerda e chutou cruzado, com perigo. O Inter respondeu no minuto seguinte, com uma conclusão de Maurides à direita de Eduardo Martini. A jogada acendeu o Inter, que passou a ter mais posse de bola no campo de ataque. Contudo, o time tocava muito e produzia pouco.

Aos 41, o Lajeadense abriu o placar no oportunismo de Jandson. Márcio Goiano cobrou falta para a área, Josimar e Allan não conseguiram cortar e o centroavante aproveitou para se antecipar a Agenor e abrir o placar. No finzinho, a equipe da casa quase ampliou através de um chute forte do volante Reinaldo, que passou perto.

Com o gol do Lajeadense, o segundo tempo foi mais aberto. Logo aos dois minutos, Jandson quase fez o segundo, ganhando da zaga pelo alto e cabeceando na trave. O Inter respondeu aos 10, em chute perigoso de Gilberto. Aos 16, a equipe da casa voltou à carga em chute de Reinaldo no travessão. Na jogada seguinte, Vítor Júnior invadiu a área do Lajeadense e chutou para fora, frente a frente com o goleiro Eduardo Martini.

Aos 20 minutos, Dunga fez uma dupla substituição para buscar o empate: tirou Vítor Júnior e Maurides para os ingressos de Otavinho e Maurinho. Na prática, o esquema seguia o mesmo, mas a equipe seguiu ameaçando pouco o Lajeadense. A única chance de gol nos minutos seguintes foi do time da casa, com Márcio Goiano cobrando falta com perigo, aos 31. Onze minutos, o mesmo Márcio Goiano bateu nova falta espalmada pelo goleiro Agenor.

Aos 43, em um contragolpe, o Inter quase alcançou o empate em sua última chegada perigosa. Gilberto arrancou em velocidade pela esquerda, driblou um marcador e chutou em curva, mas a bola saiu à esquerda, com muito perigo.

FICHA TÉCNICA - LAJEADENSE 1 x 0 INTERNACIONAL
Local:
Arena Alviazul, em Lajeado (RS)
Data: 6 de fevereiro de 2013, quarta-feira
Horário: 22h (de Brasília)
Árbitro: Jean Pierre Gonçalves Lima
Assistentes: José Javel Silveira e Alexandre Kleiniche
Cartão amarelo: Micael e Reinaldo (Lajeadense); Thales e Allan (Internacional)

Gol:
LAJEADENSE: Jandson, aos 41 minutos do primeiro tempo

LAJEADENSE: Eduardo Martini; Márcio Gabriel (Fernando), Micael, Gabriel e Márcio Goiano; Rudiero, Reinaldo, Ramon e Renan (Mineiro); Jandson e Rafael Aidar (Léo)
Técnico: Flávio Campos

INTERNACIONAL: Agenor; Hélder, Thales, Allan e Raphinha (Romário); Josimar, Elton, João Paulo e Vítor Júnior (Otavinho); Gilberto e Maurides (Maurinho)
Técnico: Dunga

Novo Hamburgo goleia - O grande destaque da rodada desta quarta do Gauchão foi a goleada do Novo Hamburgo. A equipe do Vale dos Sinos aplicou 5 a 0 no Canoas, ganhando a primeira no estadual. Em outro jogo importante, o Caxias fez 3 a 2 no Esportivo, no Clássico da Polenta, em Caxias do Sul.

Confira os resultados dos jogos desta quarta-feira pelo Gauchão:

Caxias 3 x 2 Esportivo
Cruzeiro 0 x 0 Juventude
Passo Fundo 2 x 3 Santa Cruz
Grêmio 5 x 1 São José
Pelotas 1 x 0 Veranópolis
Novo Hamburgo 5 x 0 Canoas
Cerâmica 0 x 1 São Luiz
Lajeadense 1 x 0 Internacional