Tamanho do texto

Boa atuação na goleada sobre o Ajax na Liga dos Campeões pode fazer o brasileiro aparecer entre os titulares do meio-campo contra o Barcelona

A dois dias do confronto com o Barcelona , pela sétima rodada do Campeonato Espanhol, o técnico do Real Madrid , José Mourinho, ainda tem algumas dúvidas para definir os titulares. Uma dessas dúvidas é a montagem do meio-campo, que pode ter o brasileiro Kaká.

Kaká deve ser titular do Real Madrid no jogo contra o Barcelona? Comente

Mourinho comandou nesta sexta o primeiro treino após a goleada por 4 a 1 da última quarta sobre o Ajax, em Amsterdã, pela Liga dos Campeões. A atividade foi marcada pelo otimismo de um elenco que está pressionado a não perder para não ver aumentar a diferença para o rival na tabela, que já é de oito pontos.

Veja também: Rivalidade entre Barcelona e Real Madrid já registrou 33 "vira-casacas"

Dois são os setores que estão fazendo o treinador quebrar a cabeça: o meio-campo e o ataque. O Real poderá ir a campo com um trio de volantes formado por Michael Essien, Xabi Alonso e Sami Khedira, como aconteceu na vitória sobre o Manchester City, há duas semanas. A outra alternativa, escolhida na maioria dos jogos da temporada, inclusive no triunfo sobre o Ajax, é usar apenas dois deles junto a um meia criativo.

Futebol europeu na TV: Confira quais jogos assistir no final de semana

Até a partida em Amsterdã, a dúvida na armação se limitava a Mesut Özil e Luka Modric. No entanto, a boa atuação de Kaká na vitória sobre o Sevilla, no último domingo, em que entrou no intervalo, e no duelo com os holandeses, aumentou os "problemas" do técnico português para definir a escalação.

E mais: Mourinho diz que clássico entre Barcelona e Real Madrid para o mundo

No ataque, a dúvida é a de sempre, entre Karim Benzema e Gonzalo Higuaín. O francês deixou uma ótima impressão na quarta-feira, quando marcou um gol de meia bicicleta, o que faz o argentino correr por fora.

Já na defesa, não há dúvida. Mourinho deverá escalar Sergio Ramos ao lado de Pepe no miolo de zaga, com Arbeloa e o brasileiro Marcelo nas duas laterais.

*com EFE

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.