Tamanho do texto

Equipe goiana chegou aos 55 e empatou em número de pontos com o Criciúma, vice líder da Série B

Tentando retomar o embalo e engatar nova sequência invicta, o Goiás penou para vencer o Bragantino nesta terça-feira, no Serra Dourada. Com um primeiro tempo dominado pela equipe da casa, o gol só veio no segundo, com Thiago Mendes.

Deixe o seu recado e comente esta notícia com outros torcedores

Goiás venceu o Bragantino em casa e ficou mais perto da Série A em 2013
Futura Press
Goiás venceu o Bragantino em casa e ficou mais perto da Série A em 2013

O resultado mantém o Goiás na briga pelo título da Série B e cola o clube esmeraldino nos líderes. Um tropeço de Criciúma ou Vitória deixa o Goiás em condições de tomar a liderança na próxima rodada.

Já o Bragantino, que esboçava uma reação para tentar escapar do descenso à Série C, viu a série de duas vitórias – a melhor sequência na competição – ir por água a baixo.

Na 29ª rodada, o Goiás coloca a boa fase à prova contra o América-MG, no estádio Independência, em Belo Horizonte, no sábado. Já o Bragantino tenta o fôlego final noCampeonato diante do Guarani, no Brinco de Ouro da Princesa, em Campinas, na sexta.

O jogo
Superior, o Goiás pressionou muito por todo o primeiro tempo, mas não conseguiu superar as boas defesas de Gilvan. Depois de Vítor chutar por cima, Walter pegou muito bem em cobrança de falta e obrigou o goleiro do Bragantino a salvar o time pela primeira vez.

Aos 23 minutos, um escanteio para o esmeraldino e Ramon ganhou pelo alto para cabecear com força. Gilvan foi bem na bola e salvou. No rebote, Amaral mandou para fora.

O Goiás voltaria com perigo quatro minutos mais tarde. Ramon, de novo, subiu alto e tentou marcar, sem sucesso.

Na volta dos vestiários, a pressão dos goianos rendeu frutos. Thiago Mendes tabelou com Vítor bateu muito forte. O chute do volante acertou a trave, voltou em Jefferson e acabou entrando, para abrir o placar no Serra Dourada aos oito minutos da segunda etapa.

Moisés deixaria a situação dos paulistas ainda mais difícil. Depois de reclamar de cartão amarelo, o meia recebeu vermelho e deixou o Braga com um a menos.

A partir daí, a superioridade do Goiás ficou mais evidente, apesar das várias chances desperdiçadas. Thiago Mendes, após nova tabela com Vítor, e Ricardo Goulart não conseguiram transformar em gol duas boas jogadas do ataque esmeraldino.

FICHA TÉCNICA
GOIÁS 1 x 0 BRAGANTINO

Local: Estádio Serra Dourada, Goiânia (GO)
Data : 2 de outubro de 2012, terça-feira
Horário: 21 horas (de Brasília)
Árbitro: Francisco Carlos do Nascimento (AL)
Assistentes: Tatiana Jacques de Freitas (RS) e Wendel de Paiva Gouveia (RJ)
Cartões Amarelos: Toninho, André Astorga, Carlinhos, Preto e Moisés (Bragantino)
Cartões Vermelhos: Moisés (Bragantino)
Gol: GOIÁS: Thiago Mendes, aos oito minutos do segundo tempo

GOIÁS: Harlei; Vítor, Valmir Lucas, Ernando e Egídio (Juliano); Thiago Mendes, Amaral, Renan Oliveira (Iarley), Ramon e Ricardo Goulart; Walter (Júnior Viçosa)
Técnico: Enderson Moreira

BRAGANTINO: Gilvan; Jéfferson Feijão, Toninho, André Astorga e Diego Macedo; Carlinhos, Acleisson, Preto (Moisés), Mateus (Tito) e Diego Barboza (André Vinícius); Limcom
Técnico: Vagner Benazzi

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.