Tamanho do texto

Apesar de não ter balançado as redes na vitória do Corinthians sobre o Sport, atacante peruano teve atuação elogiada pelo treinador

O atacante Paolo Guerrero ficou inconformado por não ter balançado as redes na vitória contra o Sport , mas ganhou o apoio do técnico Tite, que está animado com o desempenho do peruano. O comandante do Corinthians demonstra que a entrada do atleta no elenco deixou aberta a disputa pelas vagas na linha de frente.

Guerrero deve ser titular do ataque do Corinthians? Deixe seu comentário

"O Guerrero segura a bola para as passagens de Romarinho, Douglas, Danilo... O time teve atitude para saber jogar com uma referência na frente (contra o Sport). O que me deixa contente é saber atuar com e sem pivô", afirmou.

Guerrero tenta passar pela marcação tripla do Sport
Gazeta Press
Guerrero tenta passar pela marcação tripla do Sport

Desde a saída de Liedson, o Corinthians estava sem um atacante para atuar como referência na área, até que contratou Guerrero. Assim que chegou, o atleta se transformou na esperança de Tite para voltar a utilizar a tática com um centroavante.

Jogue palavras cruzadas e mostre que sabe tudo sobre a história do seu clube

As boas atuações do peruano deixam o sistema ofensivo indefinido. Titular na conquista da Libertadores, Jorge Henrique sofre com uma série de lesões e perdeu espaço no elenco, correndo o risco de ficar na reserva. Já Emerson Sheik cumpre suspensão de seis jogos imposta pelo STJD (Superior Tribunal de Justiça Desportiva).

Enquanto isso, Guerrero ganha suas oportunidades e até marcou gol na rodada anterior, contra o Botafogo. Já diante do Sport, o atacante se irritou bastante nos minutos finais, quando apareceu livre na área e chutou forte, mas Magrão fez a defesa. No rebote, Romarinho mandou para as redes, ao mesmo tempo em que o peruano ainda se lamentava por ter perdido a chance.

E mais:  Romarinho vira artilheiro do time e Tite pede paciência para que ele amadureça

"Quero que o Guerrero jogue sempre assim, porque ele vai dar as oportunidades para os companheiros e, com isso, será inevitável ele fazer o gol também", salientou o treinador.

Ciente de que está agradando o comandante, o centroavante tem esperança de conquistar sua vaga até o torneio no Japão. "Chegaremos muito bem ao Mundial, e o Tite terá dificuldade em montar o time, tamanha a qualidade dos jogadores. Mas tenho confiança de conseguir uma vaga", completou.

*Com Gazeta

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.

    Notícias Recomendadas