Tamanho do texto

Ex-Cruzeiro e Grêmio, atacante brasileiro que joga na Saint-Étienne, da França, era acusado de estuprar uma mulher de 23 anos

Reuters

Brandão, ex-Cruzeiro e Grêmio, não foi processado pelas acusações por agressão sexual na França
Vipcomm
Brandão, ex-Cruzeiro e Grêmio, não foi processado pelas acusações por agressão sexual na França

Um juiz francês decidiu que não há provas suficientes para indiciar o atacante brasileiro Brandão, que estava sendo investigado por suspeita de estupro, informou uma fonte judicial nesta sexta-feira.

Deixe seu recado e comente a notícaia com outros torcedores

Brandão, que joga atualmente no St Etienne, estava no Olympique de Marselha quando foi acusado de estupro por uma mulher de 23 anos em uma área perto de Aix-en-Provence, em março de 2011.

Leia mais: José Mourinho defende Terry e nega que zagueiro seja racista

"Estou aguardando receber o motivo desta decisão para decidir se vamos recorrer", disse Emmanuel Molina, advogado da suposta vítima, à Reuters.

Veja também: Barcos e Guiñazu são convocados e viram desfalques em "decisões" do Brasileirão

Brandão foi emprestado pelo Olympique a Cruzeiro e Grêmio no ano passado e voltou ao time francês em janeiro de 2012. Ele foi negociado com o St Etienne para esta temporada.

Veja fotos de outros atletas que tiveram problemas com a Justiça:


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.