Tamanho do texto

Dupla que estava na seleção brasileira retorna ao time da Vila Belmiro, que atravessa uma série de quatro partidas sem vitória

Neymar, atacante do Santos
Futura Press
Neymar, atacante do Santos

Após participarem dos amistosos contra África do Sul e China, pela seleção brasileira, o volante Arouca e o atacante Neymar devem retornar o Santos para o duelo contra o Flamengo, nesta quarta-feira, pelo Campeonato Brasileiro . A volta da dupla é comemorada pela equipe, que vem de uma série de quatro jogos sem vitória.

Deixe seu recado e comente a notícia com outros torcedores

"Eles vão nos ajudar muito. Perdemos três seguidas e, com este empate no clássico, precisamos engatar uma sequência de vitórias", disse o goleiro Rafael, referindo-se às derrotas para Bahia (ainda com Neymar), Sport e Fluminense, e ao empate com o São Paulo, no último domingo.

Acompanhe o Brasileirão em tempo real e com estatísticas no aplicativo iG Futebol

O volante Gérson Magrão, que, mesmo com o retorno de Arouca, pode ser mantido entre os titulares, também admitiu que a volta da dupla deve dar uma contribuição importante para o Santos bater o Flamengo.

Leia também:  Gérson Magrão admite ter sentido o peso da camisa 10

"Eu acho que o Neymar faz muita falta pelo estilo de jogo do Santos. Ele é uma peça fundamental para o nosso time. A volta deles será um grande reforço, mas nós temos que ter consciência de que não podemos só depender dos dois. Nosso grupo é forte e temos que estar focados. Não é momento de abaixar a cabeça", comentou Magrão.

Além de Arouca e Neymar, o zagueiro Bruno Rodrigo, que cumpriu suspensão automática pelo terceiro cartão amarelo no empate com o São Paulo, e o lateral esquerdo Juan, que não atuou no clássico por questões contratuais, também ficam à disposição do técnico Muricy Ramalho. Bruno Rodrigo deve retomar o seu posto de titular na zaga. Já para Juan, a tendência é a de que o veterano Léo seja mantido na ala para enfrentar os cariocas.

Entre para a torcida virtual do Santos

*Com Gazeta

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.