Tamanho do texto

No Barcelona, a principal mudança foi no cargo de treinador. Vencedor de 14 dos 18 torneios que disputou pelo time, Josep Guardiola deu lugar a seu antigo auxiliar, Tito Vilanova

EFE

Ao contrário dos últimos anos, em que Real Madrid e Barcelona fizeram contratações de grande impacto, o Campeonato Espanhol terá início neste sábado com a disputa pelo título ainda polarizada entre essas duas equipes, mas sem grandes novidades. 

Por enquanto, o Real não confirmou nenhum nome de peso, mas está de olho no meia croata Luka Modric, do Tottenham. O Barça, por sua vez, fechou apenas com o lateral Jordi Alba, que estava no Valencia e foi titular da seleção espanhola no título da Eurocopa.

Deixe o seu recado e comente a notícia com outros torcedores

Messi e Cristiano Ronaldo são as principais estrelas do Campeonato Espanhol
Getty Images
Messi e Cristiano Ronaldo são as principais estrelas do Campeonato Espanhol

Atual campeão, depois de ter quebrado uma sequência de três conquistas do rival, o time madrilenho estreará no próximo domingo, no estádio Santiago Bernabéu, contra o Valencia, um dos que mais se reforçaram para a temporada.

A equipe agora treinada pelo argentino Mauricio Pellegrino, que substitui Unai Emery, passou por uma reformulação e contratou o lateral-direito João Pereira, o volante Fernando Gago, o meia Andrés Guardado e o atacante Nelson Haedo Valdez.

Leia mais:  Uefa indica Messi, Cristiano Ronaldo e Iniesta a prêmio de melhor da Europa

No Barça, a principal mudança foi no cargo de treinador. Vencedor de 14 dos 18 torneios que disputou pelo time catalão, Josep Guardiola pediu demissão e deu lugar a seu antigo auxiliar, Tito Vilanova. O primeiro desafio do técnico está marcado para o domingo, no Camp Nou, diante da Real Sociedad.

Sensação da última temporada, em que foi quarto colocado e conquistou uma inédita vaga na fase de classificação da Liga dos Campeões, o Málaga atravessa uma situação difícil. O grupo catariano de investimentos que estava à frente do clube o "abandonou", e o elenco sofreu um desmanche. A principal perda foi a do meia Santi Cazorla, que foi para o Arsenal.

Veja também:  Em nova fase do Barça, Messi quer mais títulos do que gols

O que sobrou do time comandado por Manuel Pellegrini abrirá o campeonato no sábado visitando o Celta de Vigo, que retorna à elite após cinco anos na segunda divisão. Dois dos times que tiveram bom desempenho na última temporada, Levante e Atlético de Madrid, que foram respectivamente sexto e quinto colocados, medirão forças em Valência no domingo.

A equipe da capital perdeu algumas peças. A mais importante delas foi o meia brasileiro Diego, que retornou para o Wolfsburg. Entre as poucas contratações, está o experiente meia turco Emre Belözoglu, ex-Inter de Milão e que estava no Fenerbahçe. 

    Leia tudo sobre: Lionel Messi
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.