Tamanho do texto

Mesmo com dores, volante será utilizado contra o Náutico. Meia está fora de mais um jogo

Henrique foi confirmado no jogo após treino desta sexta
Futura Press
Henrique foi confirmado no jogo após treino desta sexta

Com uma série de desfalques, o Santos ainda não está definido para enfrentar o Náutico, neste domingo, a partir das 18h30 (horário de Brasília), nos Aflitos. O técnico Muricy Ramalho adiantou apenas que o volante Henrique, mesmo com dores no púbis, deve jogar. No mais, o treinador fez mistério e só confirmou que Bernardo, fora do time desde 27 de maio, continua fora de combate.

Leia também:  Santos busca reforços pontuais e prioriza chegada de centroavante

A principal lamentação de Muricy é não poder contar com os volantes Adriano e Arouca, suspensos pelo terceiro cartão amarelo. "Estamos com muitas dificuldades nos volantes. Temos muitas dúvidas no meio-campo. O Henrique voltou a treinar e não sentiu a contusão. Ele melhorou e deve jogar. Agora, o time só vai sair (escalação) na hora do jogo", destacou.

E mais: Volante Adriano admite sondagens, mas diz que quer permanecer no Santos

Com tantos problemas, Muricy Ramalho pode se ver obrigado até mesmo a escalar três zagueiros. Neste caso, David Braz formaria o setor defensivo ao lado de Bruno Rodrigo e Durval. Com isso, Bruno Peres e Léo seriam adiantados para a ala e Felipe Anderson mantido no setor de criação. Éwerthon Páscoa e Henrique provavelmente formariam a dupla de volantes. Bernardo, que tinha volta prevista para a partida contra a Ponte Preta há uma semana, fica de fora mais uma vez.

“O Bernardo está com problemas. Ele voltou a sentir um pouco de novo e como a lesão dele foi muito séria, vamos precisar ter paciência com esse rapaz. Ele não tem a mínima condição de jogo contra o Náutico“, afirmou Muricy.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.