Tamanho do texto

Lateral-direito acredita que vai ganhar destaque no cenário nacional se repetir no Rio o que fez no Coritiba

O lateral-direito Jonas finalmente foi apresentado em São Januário. O novo reforço do Vasco posou no começo da tarde com a camisa do clube que defenderá até dezembro de 2015. Em sua chegada, falou em se projetar no cenário e, quem sabe, chegar à seleção brasileira.

Você gostou da contratação de Jonas? Comente.

Jonas veste a camisa do Vasco durante apresentação em São Januário
Site oficial
Jonas veste a camisa do Vasco durante apresentação em São Januário

Aos 25 anos, o jogador estava no Coritiba desde 2011. Sua apresentação demorou por problemas burocráticos. O Vasco adiou duas vezes a assinatura do contrato até pagar R$1,5 milhão por 50% dos direitos econômicos do lateral.

Leia mais: Cristóvão dá ênfase à zaga novata em treino para jogo com o Corinthians

Ele vem com a missão de substituir Fágner, negociado com o futebol alemão em julho. Antes, porém, terá de brigar com Auremir, hoje titular absoluto.

No entanto, se depender da sua passagem pelo clube paranaense, ele acredita que levará a melhor. Comparado a Maicon, Jonas quer seguir seus passos também vestindo a camisa amarela.

Veja também:  Vasco está de mudança para casa de Zico, maior ídolo do rival Flamengo

“Estou acostumado a passar por clubes e ganhar títulos. Chegando aqui no Vasco já senti que o espírito é o mesmo. Trabalhar no Vasco dá mais visibilidade. Quero, sim, chegar à seleção. Se repetir no que fiz no Coritiba, acho que será possível”.

Depois de sonhar com a seleção, ele manteve o discurso humilde ao falar de sua adaptação à equipe. Principalmente por estar chegando em time que está vencendo e que tem Auremir em grande fase. Sobre Fágner, destaque no clube desde 2009, repetir o feito do lateral será algo que virá com bastante trabalho.

“Se eu fizer 10% do que ele fez já está bom. Se o treinador optar por mim, estarei preparado”, disse o jogador, que vinha treinando no Coritiba e já se coloca à disposição para as partidas contra o Sport (quarta-feira) ou Atlético-MG (dia 12).

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.