Tamanho do texto

Em Porto Alegre, Ronaldinho reencontra torcida gremista que verá primeiro jogo de Zé Roberto

Ronaldinho deve ser mais uma vez hostilizado pelos gremistas
Futura
Ronaldinho deve ser mais uma vez hostilizado pelos gremistas

O Estádio Olímpico viverá um domingo cheio de atrativos. Grêmio e Atlético-MG se enfrentarão a partir das 18h30 em um dos principais jogos da sétima rodada do Campeonato Brasileiro . Além de reunir o equipes que brigam pelas primeiras posições, a partida marcará a estreia de Zé Roberto pelo time gaúcho e colocará a torcida gremista frente a frente com um de seus maiores desafetos: o meia Ronaldinho .

Leia também: Ronaldinho recebe vaias na chegada a Porto Alegre

O Grêmio mal sentiu a eliminação na Copa do Brasil. Três dias após cair para o Palmeiras, se impôs ao Flamengo e quebrou a invencibilidade rubro-negra com uma consistente vitória por 2 a 0, no último domingo. O bom começo da equipe no Brasileiro anima o atacante Kleber: "Somos candidatos, sem dúvida. Temos um bom elenco. O nosso foco é a Libertadores. Em todas as competições o Grêmio vai brigar lá em cima", projeta.

O confronto deste domingo é visto dentro do Olímpico como um jogo de seis pontos. Vencendo, o Grêmio não só ultrapassa o Atlético-MG, como garante mais uma rodada dentro do G-4. "Não podemos perder para um rival do topo da tabela em casa", completa o "Gladiador".

A grande novidade do Grêmio para a partida é estreia de Zé Roberto. Ele tem treinado bem e mostrado qualidade, deixando claro que os quase 38 anos de idade não pesam em seu desempenho. Quem deixa o time para a entrada de Zé Roberto é Marco Antônio, de desempenho contestado pelos torcedores. O goleiro Victor, vendido ao Atlético-MG na noite da última sexta-feira , será substituído por Marcelo Grohe.

Com 13 pontos e buscando a liderança do Brasileiro, o Atlético-MG não terá vida fácil contra o Grêmio, pelo menos é isso que os números apontam. Se vencer os gaúchos, o Galo vai quebrar um tabu que já dura 14 anos, sem superar o Tricolor, atuando em Porto Alegre. No retrospecto geral dos jogos no Olímpico, a situação alvinegra também não é das melhores.

Em 24 jogos na capital gaucha, o Atlético-MG venceu apenas duas vezes, perdeu 15 e empatou sete. A última vez que a equipe mineira triunfou diante do Grêmio, no Olímpico, foi em agosto de 1998, por 3 a 2. O fato que chama atenção é que nesta vitória do Galo, Ronaldinho defendia justamente o Grêmio, e agora o armador volta ao sul do país para enfrentar o clube o revelou para o futebol.

Os números negativos preocupam o lateral e volante Richarlyson, que deve ficar no banco de reservas. O jogador admite que enfrentar o Grêmio é difícil, mas lembra que o Galo vem quebrando tabus na temporada. "A gente vem quebrando algumas estatísticas aqui no Atlético-MG, estamos preparados, mas vamos pegar uma pedreira, o Grêmio se encontra na quinta posição, vem bem, mas a gente tem de continuar com o nosso objetivo", declarou.

Para esse jogo, o técnico Cuca conta com o retorno do volante Pierre, que cumpriu suspensão na rodada passada e volta ao time justamente na vaga de Richarlyson. Com isso, Leandro Donizete será mantido na equipe, que terá também Serginho, que vai revezar com Danilinho na função de lateral-direito. Na armação das jogadas Ronaldinho, que garante que se marcar contra Grêmio, vai comemorar normalmente. "Vou comemorar como sempre", disse.

FICHA TÉCNICA -  GRÊMIO X ATLÉTICO-MG

Local: Estádio Olímpico, em Porto Alegre (RS)
Data : 1º de julho de 2012, domingo
Horário : 18h30 (de Brasília)
Árbitro: Paulo César Oliveira (Fifa-SP)
Assistentes: Émerson Augusto de Carvalho (Fifa-SP) e Anderson Moraes Coelho (SP)

GRÊMIO: Marcelo Grohe; Edilson, Gilberto Silva, Vilson e Fábio Aurélio; Fernando, Souza, Léo Gago e Zé Roberto; Kleber e Marcelo Moreno  Técnico: Vanderlei Luxemburgo

ATLÉTICO-MG: Giovanni, Serginho, Rafael Marques, Leonardo Silva e Júnior César; Pierre, Leandro Donizete, Danilinho e Ronaldinho; Bernard e Jô  Técnico: Cuca

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.